Coluna Entrelinhas/Alexandre Alves

O PMDB – que passará a ser MDB – de Biguaçu também está começando um trabalho de base para tentar voltar a chefiar o Poder Executivo. O atual presidente André Clementino tem feito filiações de correligionários e o partido já chega quase aos 1.000 filiados. Outras estratégias também estão sendo traçadas, inclusive de tentar atrair alguma daquelas lideranças da situação que venham a se “desgarrar” do grupo.

Publicidade

Os nomes

Foto: Arquivo BN

A candidatura provavelmente deverá ser encabeçada pelo presidente do partido, mas outros nomes dentro da sigla podem surgir, como o do empresário Robson Carvalho – que voltará a presidir a Acibig em 2018 e 2019.

O ex-prefeito Tuta está com os direitos políticos cassados por cinco anos e não poderá registrar candidatura – a não ser que derrube a decisão do TJSC no STJ.

Publicidade