Uma força-tarefa das polícias Rodoviária Federal, Civil e Militar, junto com fiscais da Receita Federal, resultou na prisão de um traficante, ontem (10), em Joinville, no Litoral Norte de Santa Catarina, e na apreensão de uma carga de cocaína avaliada em R$ 4 milhões, segundo estimativa da  Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc).

Conforme a polícia informou agora há pouco, a droga estava em um Renault Duster, de cor preta, e tinha como destino a cidade de Biguaçu. No porta-malas do veículo foram localizados 149 tabletes da droga, totalizando 158 quilos. A droga era transportada sem nenhum tipo de camuflagem, colocada em bolsas de viagem.

Publicidade

A operação para interceptar o carregamento estava sendo preparada há um mês, por meio de uma investigação conjunta entre o Denarc e a Receita. A Polícia Civil tinha captado a informação de que uma grande quantidade de cocaína ingressaria em Santa Catarina. Na manhã desta quinta-feira as informações se confirmaram e os agentes solicitaram apoio da PRF para fazer o acompanhamento do carro suspeito.

O condutor do SUV recebeu ordem de parada por volta das 11h, em frente ao posto da PRF no Distrito de Pirabeiraba, cidade de Joinville. A equipe da PRF tentou realizar abordagem, contudo o condutor empreendeu fuga com o veículo sentido região norte daquela cidade, inclusive expondo a risco pedestres e outros condutores. Ele abandonou o Duster no Jardim Sofia, tentando ingressar em um matagal, mas acabou capturado pela PRF, com o apoio da Polícia Militar.

O traficante, de 20 anos de idade, natural e morador de Foz do Iguaçu (PR), possui passagem criminal por contrabando. Juntamente com a droga e o veículo, ele foi conduzido até a sede da DEIC em Florianópolis, onde foi autuado e preso em flagrante pela prática do crime de tráfico interestadual de drogas.

Publicidade