Assessoria

No desempenho do Figueirense nas competições em que a equipe disputa neste ano, um fator característico e que demonstra a força do alvinegro vem se tornando cada vez mais a marca desta temporada para o clube até o momento. A invencibilidade da equipe no Estádio Orlando Scarpelli já atinge a marca de 17 jogos. Neste ano de 2015, a equipe comandada pelo técnico Argel Fucks intimida os adversários e não sabe o que é encerrar as partida em seus domínios derrotado, além de realizar grandes jogos e vitórias marcantes enfrentando outros grandes times.

Publicidade

Desde a chegada do técnico Argel Fucks ainda no primeiro turno do Campeonato Brasileiro da Série ‘A’ 2014, o Furacão se caracterizou por partidas muito intensas dentro e fora de casa, mas foi atuando no Orlando Scarpelli que os resultados mais expressivos vieram.

Especialmente em 2015, o primeiro jogo que o Figueirense realizou em casa foi no dia 25 de janeiro, no amistoso que terminou empatado com o Guarani de Palhoça. Uma semana depois, o Campeonato Catarinense começou e após pouco mais de quatro meses de jogos oficiais no ano, o alvinegro conquistou no estádio mais 12 vitórias e quatro empates. No estadual, o Furacão conquistou oito vitórias e dois empates. Já na Copa do Brasil, foram duas vitórias e um empate.

Veio o Campeonato Brasileiro e o Figueirense seguiu no mesmo ritmo nas partidas em que disputou no Estádio Orlando Scarpelli. Nos nove pontos em que disputou atuando diante da sua torcida na principal competição nacional do país até aqui, somou sete que o colocaram em posições avançadas na tabela de classificação.

Nesta sua 16ª participação no Campeonato Brasileiro da primeira divisão, o Figueirense joga para superar o bom desempenho que já teve em casa no passado. Na era dos pontos corridos (desde 2003), o melhor desempenho em termos de derrotas em casa do Figueirense no Orlando Scarpelli no Brasileirão foi na temporada 2004 quando em 23 partidas realizadas, foi derrotado somente em três oportunidades. Em 2006, o desempenho como mandante também foi alto porém neste ano o alvinegro realizou em casa 19 jogos e sofreu as mesmas três derrotas, nos resultados que colaboraram e muito para que a campanha desta temporada ficasse marcada como uma das melhores na história do clube já que dificilmente era batido.

No Brasileirão 2015, restam ainda mais 16 jogos do Figueirense em casa na edição deste ano além de possíveis e futuros jogos por outras competições como Copa do Brasil e Copa Sul-Americana.

Porém, o desempenho que já dura a primeira metade da temporada já fica mostra que quando o Figueirense atua no seu habitat natural, as coisas tendem a ficar complicada para os adversários.

Publicidade