Governo da Espanha diz que “não haverá referendo na Catalunha”

Publicidade

O presidente do governo espanhol, Mariano Rajoy, assegurou que não haverá nenhum referendo no dia 1º de outubro na Catalunha, porque a iniciativa unilateral é inconstitucional e ilegal.

A declaração foi feita após os últimos passos acelerados do governo catalão em direção a uma ruptura com a Espanha. A informação é da agência Télam.

Publicidade

“Ninguém pode pretender que se negocie a ruptura de uma Constituição, que é patrimônio de todos os espanhóis”, afirmou o líder conservador, que fez um balanço de sua gestão antes do recesso de férias de verão, um período que se prenuncia turbulento pela intenção dos independentistas catalães de acelerar o processo de secessão da região da Espanha.

Publicidade