Biguaçu é município com o maior número de pacientes (954) que passaram por algum tipo de cirurgia no Hospital Regional de Biguaçu Helmuth Nass, entre agosto de 2015 e setembro de 2017. Somados àqueles de outras cidades da região que também já foram operados na unidade, chega-se a 3026 o volume dos que receberam intervenção cirúrgica de baixa ou média complexidade (aquelas marcadas com antecedência). Os detalhes foram apresentados na terça-feira (31), ao prefeito Ramon Wollinger (PSD), aos vereadores e ao secretário de Saúde, Heron Pereira, pelo diretor do hospital, Cláudio Marmentini, durante audiência na Câmara Municipal.

Diretor do hospital fala dos atendimentos durante audiência (Foto: Biguá News)

Ao todo, o hospital já soma mais de 137 mil atendimentos, quando somadas às cirurgias o montante de exames médicos (83,5 mil) e consultas (52 mil). A direção da unidade mantém uma constante pesquisa de satisfação dos pacientes e os dados coletados até o final de setembro deste ano mostram que 98,6% dos entrevistados se disseram encantados ou satisfeitos com o atendimento prestado e com os procedimentos médicos por qual passaram.

“Os números do hospital são grandiosos, mas, o mais importante do que quantidade é qualidade, e a pesquisa de satisfação que eles têm deu para ver que a gente possui qualidade no serviço de saúde. É muito importante quando se contrata um serviço, no caso o da São Camilo, e ela dá conta do recado e presta um serviço de excelência para os biguaçuenses e todos os cidadãos que são atendidos no hospital. Então eu fico feliz, pois Biguaçu se firma como polo de saúde da Grande Florianópolis e até de Santa Catarina”, diz Ramon, ao Biguá News.

Vista aérea do hospital de Biguaçu (Foto: Aguinaldo Nau)

O Hospital Regional de Biguaçu é uma unidade de atendimento eletivo, voltado ao atendimento de pacientes encaminhados por agendamento prévio, para atendimento em ambulatórios clínicos, cirúrgicos e exames especializados. Desse modo, o acesso ao hospital inicia-se pelas Unidades Básicas de Saúde (UBS), que são responsáveis pelos agendamentos dos pacientes.

Contando com três salas de cirurgia, o hospital vem realizando cirurgias eletivas de baixa e média complexidade em seu centro cirúrgico, nas especialidades de Cirurgia Geral, Cirurgia Otorrinolaringológica, Cirurgia Proctológica, Cirurgia Urológica, Cirurgia Ortopédica, Cirurgia Vascular, Oftlmologia e Ginecologia. A unidade ainda realiza exames de imagem, como tomografias computadorizadas, ultrassonografias, exames de radiodiagnóstico (raio x), ultrassonografias com doppler, endoscopia, colonoscopia e ressonância magnética.

A gestão do hospital é de responsabilidade da Beneficência Camiliana do Sul (São Camilo), entidade contratada pela Prefeitura após processo licitatório. São atendidos pacientes de todos os 22 municípios da Grande Florianópolis, encaminhados pela Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e pelas Unidades Básicas de Saúde, via sistema de regulação. O Helmuth Nass possui atualmente em seu quadro 114 funcionários, com um corpo clínico formado por 60 médicos.