Rosália Dors Pessato

Prefeitos da Grande Florianópolis e secretários de Estado reuniram-se nesta quinta-feira (14), na Associação dos Municípios da Grande Florianópolis (Granfpolis), para tratar da gestão associada da região metropolitana. Está em tramitação na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) projeto de lei 0007.3/2017 que altera as atribuições da Superintendência de Desenvolvimento da Região Metropolitana da Grande Florianópolis (Suderf).

Publicidade

“Nós convecionamos que os prefeitos vão elaborar uma proposta de alterações da lei 636, vão discutir no dia 20 e nos apresentar no dia 5 de outubro. Estamos abertos ao diálogo”, disse o superintendente da região metropolitana Cassio Taniguchi.

Foto: Assessoria

Está em andamento um grupo de trabalho coordenado pela Granfpolis para aperfeiçoar o projeto de lei. Participam técnicos das prefeituras de Águas Mornas, Antônio Carlos, Biguaçu, Florianópolis, Palhoça, Santo Amaro da Imperatriz, São José, São Pedro de Alcântara e Governador Celso Ramos.

A principal ação da Suderf é a reestruturação do transporte coletivo metropolitano com integração dos sistemas dos municípios da região continental da Grande Florianópolis com possível integração ao sistema de ônibus da capital no futuro. “Nós ainda não conseguimos definir o modelo (para integrar os sistemas de transporte coletivo), mas isso pode ser discutido mais na frente”, comentou o prefeito de Florianópolis Gean Loureiro.

Participaram do encontro o superintendente Cassio Taniguchi, o secretário de Estado do Planejamento, Murilo Flores, e os prefeitos de Florianópolis, Gean Loureiro, de São José, Adeliana Dal Pont, de Palhoça, Camilo Martins, e de Águas Mornas, Omero Prim. Também estiveram presentes representantes do Deter, Comdes e Granfpolis.

Publicidade