Publicidade

G1 – Um barco pesqueiro naufragou na região de Imbituba, no litoral Sul catarinense, na madrugada desta quinta-feira (20). Até as 16h30, seis pessoas seguiam desaparecidas, conforme a Marinha. Ao todo, 24 pessoas estavam na embarcação. A Marinha tem a confirmação de uma morte.

Ainda de acordo com a Marinha, o barco, identificado como Jorge Seif Junior, que é de Itajaí, naufragou às 5h40, a 80 quilômetros da costa de Imbituba. Outra embarcação que estava na região, proveniente de Antígua e Barbuda, foi acionada pela Marinha para ajudar no resgate.

Publicidade

Ainda pela manhã, 17 pessoas foram resgatadas com vida pela embarcação estrangeira. Um corpo está a bordo da embarcação e, até as 16h50, a Marinha não tinha informações sobre a identidade da vítima ou as circunstâncias da morte.

Uma pessoa, segundo a Marinha, foi retirada da embarcação estrangeira de helicóptero e levada para atendimento médico em Florianópolis. Até as 17h, a Marinha não tinha informações sobre o estado de saúde dos demais resgatadas.

Na tarde desta quinta, a Marinha continuava as buscas com auxílio de um avião e de um helicóptero da Força Aérea Brasileira (FAB). A embarcação estrangeira com os resgatados tem previsão de chegar a Itajaí ainda nesta tarde.

Conforme a Marinha, a embarcação que naufragou tem 26 metros e é de madeira. Ela era utilizada para a pesca de atum. Até as 17h30, ainda não haviam sido encontrados vestígios do barco.

Marinha vai investigar causa do naufrágio
Segundo a Marinha, será aberto um inquérito para apurar as causas do naufrágio, que tem prazo de 90 dias para conclusão.

Entretanto, a Marinha informou que, na madrugada, por volta das 5h, foi emitido um alerta de mar grosso na região, que significa ondas de 3 metros a 4,5 metros.

Publicidade