À espera da Caixa, Corinthians negocia patrocínio master com duas empresas

Publicidade

uolO contrato do Corinthians com a Caixa Econômica Federal entrou em contagem regressiva. Patrocinador master do clube, o banco ainda não se posicionou sobre a pedida de cerca de R$ 37 milhões feita pela direção corintiana para que o vínculo seja renovado. O atual contrato vence no próximo dia 24 e, na avaliação do clube, é razoável a possibilidade de que não seja estendido.

Neste momento, o Corinthians trabalha com mais duas possibilidades além da Caixa para o patrocínio master. Uma delas é justamente outra empresa do segmento financeiro que tem negociações avançadas para comprar os naming rights da Arena.

Continua após a publicidade

Essa possibilidade, entretanto, dependeria de um novo acordo. Segundo a direção corintiana, os contratos que envolvem o estádio já estão em fase de avaliação jurídica e não tratam a respeito da camisa.

O nome da terceira empresa que negocia com o time alvinegro para ser o patrocinador máster do uniforme do clube é mantido em segredo.

O Corinthians espera por uma posição oficial até a próxima sexta-feira. A intenção da Caixa é seguir com os valores atuais (R$ 30 milhões).

Foto: Julia Chequer/Folhapress
Foto: Julia Chequer/Folhapress
Publicidade