Apicultores de Biguaçu e região participam de treinamento em Anitápolis

Publicidade

Cerca de 200 produtores de mel de oito municípios da região da Grande Florianópolis participam, neste sábado (30), do IV Seminário Regional de Apicultores da Encosta da Serra, que será realizado no salão paroquial de Anitápolis, a partir das 9h30. O evento, apoiado pelo Programa SC Rural, é promovido pela Epagri e associações municipais de apicultores de Biguaçu, São Bonifácio, Águas Mornas e Angelina.

Para aumentar a renda dos agricultoapiculturares familiares, o Programa SC Rural desenvolve um Projeto Estruturante que melhora e formaliza o processo produtivo de mel na região. O projeto da Associação de Apicultores de Águas Mornas reúne 34 sócios e beneficia, direta e indiretamente, mais de 100 famílias de apicultores da Encosta da Serra. As propriedades rurais estão nos municípios de Palhoça, São José, Águas Mornas, Angelina, Anitápolis, São Bonifácio, Major Gercino e Santo Amaro.

Continua após a publicidade

O Projeto Estruturante está em fase de conclusão e prevê, para uso coletivo ou individual, a construção de seis casas de extração de mel, de três unidades processadoras de pólen e de cera alveolada, e a construção de um depósito para guardar materiais, além de reformas em estruturas já existentes. Outra melhoria prevista, ainda em fase de projeto, é a recuperação de dois trechos de estradas rurais nos municípios de Angelina e Anitápolis, visando melhorar o escoamento da produção dos associados.

A abrangência desse Projeto será o tema de uma das palestras do Seminário, que tratará também do panorama atual da apicultura, do Programa Kit Apicultura e Projeto de Rainhas, oferecido pela Secretaria de Estado da Agricultura e da Pesca, e do manejo, alimentação, causas da mortalidade, e controle do ácaro da Varroa, entre outros. No decorrer do evento haverá troca de cera alveolada e venda de insumos apícolas.

A região da Encosta da Serra abrange oito municípios e é a segunda maior produtora de mel de Santa Catarina. Com cerca de 150 famílias de apicultores, a produção para esta safra 2015/2016 (de setembro a maio) é estimada em 170 toneladas de mel. Além do Programa SC Rural, o IV Seminário Regional de Apicultores da Encosta da Serra conta com o apoio da prefeitura de Anitápolis, Senar, Federação da Agricultura (Faesc), Federação de Associação de Apicultores de Santa Catarina (Faasc).

 

Publicidade