Biguaçu tem nova etapa de vacinação para pessoas com comorbidades e idosos com mais de 60 anos

Publicidade

Nesta quinta-feira (27), a Prefeitura de Biguaçu, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, dará continuidade à aplicação da primeira dose da vacina contra a COVID-19 em pessoas com comorbidades acima de 18 anos, incluindo gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto) e idosos com 60 anos ou mais.

Vacinação contra Covid-19 – Policlínica Municipal de Biguaçu. (Foto Paulo Rodrigo Ferreira-DICOM-PMB)

Devido às altas taxas de hospitalização decorrentes de Síndrome Respiratória Aguda Grave em pessoas com comorbidades, serão incluídas nesta rodada as pessoas a partir de 50 anos que fazem uso contínuo de anti-hipertensivos e pessoas entre 18 e 49 anos, que além dessa condição apresentam obesidade de qualquer grau (com IMC igual ou maior que 30).

Continua após a publicidade

Os pontos de vacinação estarão funcionando com divisão dos públicos, sendo as pessoas com comorbidades vacinadas no Drive Thru na Univali, bairro Universitário, e as gestantes e puérperas com comorbidades e os idosos vacinados no local destinado a pedestres na Igreja Matriz, bairro Centro.

Confira os documentos necessários para receber a vacina:

Pessoas com comorbidades (geral) – documento de identificação com foto, CPF, Cartão Nacional do SUS (se possuir), comprovante de residência e comprovante da comorbidade, que pode ser um atestado médico com a indicação para vacinação, uma prescrição médica, exames ou receitas que deixem claro a condição do paciente e declaração do serviço de saúde onde o usuário faz tratamento. No caso de obesidade, será aceito também um laudo emitido por nutricionista ou enfermeira (o).

Gestantes e puérperas (com comorbidades) – documento de identificação com foto, CPF, Cartão Nacional do SUS (se possuir), comprovante de residência, comprovante da gestação ou certidão de nascimento da criança, comprovante da comorbidade (conforme citado acima) e comprovante de vacinação contra a Influenza (caso já tenha recebido);

Idosos com 60 anos ou mais – documento de identificação com foto, CPF, Cartão Nacional do SUS (se possuir) comprovante de residência e de vacinação contra a Influenza (caso já tenha recebido).

Conforme recomendações da Secretaria Municipal de Saúde, o público incluído no grupo de comorbidades deverá preencher o formulário eletrônico disponível no link:

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfW3mtVnluJrc2l7R3v13Jq2MwAhr4EXXd7u9YGSNVWhiHgTA/viewform?usp=sf_link.

As pessoas que tiverem dificuldade no preenchimento, não possuírem acesso à internet ou não conseguirem comparecer a uma UBS para solicitar auxílio, poderão realizar o cadastro no momento da imunização.

Dúvidas e mais informações sobre a vacinação e o Coronavírus, ligue para a Central COVID, no número 0800 6012282. A ligação é gratuita e o atendimento é realizado por profissionais da Secretaria Municipal de Saúde. Se preferir, envie mensagens para o WhatsApp (48) 99194-3376. O funcionamento da Central COVID é de segunda-feira a sábado, das 9h às 18h.

Vacinação Solidária

A campanha Vacinação Solidária continua a ser promovida conjuntamente com a aplicação dos imunizantes. Quem quiser contribuir e ajudar famílias em situação de vulnerabilidade social do município, deve levar 1kg de alimento não-perecível no local da vacinação.

Publicidade