Campanha de multivacinação pelo SUS começa nesta segunda-feira

Publicidade

Santa Catarina recebeu, do Ministério da Saúde, 901,7 mil de doses para campanha nacional de multivacinação, que ocorre a partir desta segunda-feira (19) até 30 de setembro, nos postos de saúde, via Sistema Único de Saúde (SUS). O dia ‘D’ da mobilização nacional será no sábado (24). A informação é do G1.

A campanha terá todas as vacinas disponíveis pelo SUS para crianças de até 5 anos e para crianças e adolescentes entre 9 e 15 anos incompletos, incluindo a imunização contra HPV para meninas.

Continua após a publicidade

O objetivo principal da campanha é estimular que os pais levem os filhos para por em dia a carteira de vacinação, informou o Ministério da Saúde. Conforme a Secretaria de Saúde de Santa Catarina, as vacinas já estão no estado e foram distribuídas para todas as regionais.

“A campanha é uma atualização de caderneta, são vacinas que já existem nos postos, mas é um incentivo para que a vacinação esteja em dia. Nós nunca antes tinhamos convocado adolescentes para mobilização, mas agora queremos resgatar aquelas meninas que perderam a primeira ou a segunda dose do HPV”, disse a gerente de Imunização da Dive, Vanessa Vieira da Silva.

Para todo o país, o Ministério da Saúde disponibilizou 19,2 milhões doses extras de 14 vacinas ofertadas na campanha. Em Santa Catarina, não há o recebimento da vacina contra a Varicela, segundo a Dive, pela combinação de demais vacinas já imunizarem a doença.

Veja o número de doses da vacinas em SC:

– Hepatite A: 9,1 mil
– VIP: 53.940
– Meningocócica C: 47,2 mil
– Rotavírus: 15.730
– HPV: 79.320
– Pneumo 10: 13.220
– Febre amarela: 67.340
– Pentavalente: 23,6 mil
– Tetraviral: 9 mil
– Dupla adulto: 57.780
– DTP: 15,3 mil
– Tríplice viral: 85 mil
– VOP (poliomielite): 230.050

Veja mudanças na vacinação ocorridas este ano:
HPV
Como era: 2 doses para meninas de 9 a 13 anos com intervalo de 6 meses; 3ª dose 5 anos depois.
Como fica: 2 doses com intervalo de 6 meses para meninas de 9 a 13 anos.

Poliomielite
Como era: injeção aos 2 e 4 meses e gotinha aos 6 meses. 2 doses de reforço aos 15 meses e aos 4 anos (ambas de gotinha).
Como fica: muda somente que a 3ª dose passa ser a injetável.

Pneumonia
Como era: 3 doses  (2, 4 e 6 meses de idade) e reforço entre 12 e 15 meses.
Como fica: 2 doses – aos 2 e 4 meses e um reforço aos 12 meses.

Meningite
Como era: 2 doses, aos 3 e 5 meses de idade, com reforço aos 15 meses.
Como fica:2 doses, aos 3 e 5 meses de idade, com reforço aos 12 meses.

Publicidade