Casal que levantou cerca de R$ 100 mil aplicando golpes é preso em Biguaçu

Publicidade
Material apreendido com os estelionatários
Material apreendido com os estelionatários

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu, em Biguaçu, um casal que viajava em um automóvel Volkswagen Polo pela BR-101, em direção a Balneário Camboriú. Os dois são acusados de levantar cerca de R$ 100 mil no ‘golpe do bilhete premiado’, na região da Grande Florianópolis. Eles simulavam estar com um bilhete para resgatar um prêmio, mas precisavam depositar uma quantia. As vítimas eram seduzidas com a ilusão de que ganhariam parte da bolada e entregavam o valor solicitado pelos estelionatários.

A prisão

Continua após a publicidade

Durante a fiscalização, feita nesta quarta-feira à tarde, os policiais encontraram simulacros de notas de dólar e real. Os policiais desconfiaram que a dupla aplicava o conhecido golpe. Durante a busca ao veículo e pessoal, foram localizados R$ 5,2mil em dinheiro, seis aparelhos celulares, três pen drives, um GPS e uma TV digital.

Consultado o sistema e em contato com a Polícia Civil, os policiais rodoviários federais descobriram que o casal tinha aplicado o golpe do bilhete premiado em algumas vítimas em Florianópolis, tendo sido registrado vários boletins de ocorrência na delegacia do bairro Coqueiros, na capital.

Os policiais entraram em contato com o delegado e conduziram o casal para a 4ª Delegacia da Polícia Civil, onde o homem e a mulher foram reconhecidos pelas vítimas.

Publicidade