CBF vai doar R$ 5 milhões à Chapecoense

Publicidade

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) vai doar R$ 5 milhões para ajudar a Chapecoense na reconstrução da equipe após a tragédia que praticamente acabou com o elenco, comissão técnica e parte da diretoria.  A informação foi repassada durante entrevista coletiva do presidente em exercício, Ivan Tozzo, na tarde desta segunda-feira.

Além disso, a CBF planeja fazer um amistoso em janeiro entre a seleção brasileira e a colombiana para arrecadar fundos para o time de Chapecó. Ainda não está definido o local da partida.

Continua após a publicidade

A Chapecoense também receberá cerca de US$ 4,8 milhões da Conmebol, como premiação pelo título de campeão da Copa Sul-Americana, reconhecido oficialmente hoje. Na cotação atual, o montante é equivalente a R$ 16,8 milhões. “Sentimento de justiça ver a Chapecoense declarada campeã. O time estava unido, jogadores comprometidos. Nós tínhamos certeza que a Chape seria campeã. Bela homenagem que estão fazendo para nós, as pessoas da Colômbia, mas a gente confiava muito no nosso time. Agradecemos ao pessoal da Colômbia por terem nos dado o título”, disse Tozzo.

Outro reforço no caixa da equipe está sendo a grande procura por associação de  torcedores de todas as partes do mundo. O presidente informa que são 15 mil novos sócios efetivados (além dos 9 mil que já existiam) e já são 50 mil solicitações de novos associados.

Além disso, a Umbro não está conseguindo atender à demanda global por camisas oficiais do clube. A loja da Chapecoense reabriu hoje, na Arena Condá, e permaneceu lotada o dia todo, com torcedores adquirindo camisetas e diversos objetos oficiais.

Foto: Rafael Henzel
Foto: Rafael Henzel
Publicidade