Chuva e vendaval durante a noite causam danos em três cidades do Norte de SC

Publicidade

Ao menos três cidades foram atingidas por temporais na noite de quinta-feira (20) em Santa Catarina. De acordo com a Defesa Civil, Araquari, Joinville e Itapoá tiveram prejuízos com a chuva, vento forte e raios entre 18h e 19h. A informação é do G1.

Conforme a Defesa Civil, em Itapoá, a chuva caiu por volta das 18h30 e uma casa pegou fogo depois que foi atingida por um raio. Árvores foram derrubadas pelo vendaval. Sete bairros ficaram sem energia na noite de quinta por causa da chuva.

Continua após a publicidade

Em Joinville, às 19h, uma chuva com vento forte causou alagamentos, queda de árvores e desmoronamento de um muro com o deslizamento de terras na rua Carlos Drummond de Andrade. Também ocorreu deslizamento ocorreu na rua Mario Luz Garcia Filho, no bairro Itaum. Em Pirabeiraba, uma árvore caiu sobre uma residência. Ninguém ficou ferido

No mesmo horário em Araquari, uma tempestade com raios alagou as duas principais ruas da cidade e deixou a população sem energia elétrica por cerca de 40 minutos.

Chuvas no estado

A Defesa Civil estadual recebeu o decreto de situação de emergência de Fraiburgo, no Oeste catarinense. A cidade foi afetada por temporais e granizo na quarta-feira (19) à noite e na tarde de terça (18).

Na cidade, um homem de 58 anos morreu na quarta depois de cair do telhado enquanto fazia manutenção após a chuva de granizo. O governador Raimundo Colombo esteve na cidade na quarta e confirmou a liberação de verba para reconstrução.

Outras três cidades já decretaram situação de emergência em âmbito municipal. Os documentos de Tubarão e Capivari de Baixo foram recebidos pela Defesa Civil estadual e estão em análise.Imbituba também fez o decreto, que ainda não foi recebido pelo estado.

Segundo boletim da Defesa Civil divulgado às 11h de quinta, 129.130 pessoas foram afetadas pelos temporais e ventos fortes em 59 municípios desde domingo (16). São 4594 casas atingidas por vento, granizo ou chuva intensa, 111 instalações públicas atingidas, 3.617 desalojados, 18 desabrigados e 41 feridos.

Quatro pessoas morreram nesta semana em decorrência do mau tempo: além do homem que caiu do telhado em Fraiburgo, uma menina de 8 anos morreu em Tubarão, no Sul, no domingo, e um agricultor de 26 na segunda (17) em São Carlos, no Oeste.

A Defesa Civil reconheu que a morte de uma mulher, por infarto, está correlacionada com o temporal em Fraiburgo. “Segundo familiares ela teria sofrido forte e emoção com a passagem do fenômeno”, disse o órgão, em nota.

Publicidade