Colombo garante apoio a Temer na reforma da Previdência em troca de recursos para o Fundam2

Colombo esteve com Temer em Brasília (Foto: Arquivo/Dnsul)

O governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo (PSD), teria garantido ao presidente Michel Temer (MDB) apoio ao projeto da reforma da Previdência, que está em análise no Congresso Nacional, em troca da liberação de recursos para a segunda etapa do programa Fundo de Apoio dos Municípios (Fundam 2). A afirmação é do jornalista Altair Magagnin, do Notícias do Dia.

Conforme o colunista, uma reunião em Brasília entre o presidente e o governador deu novo rumo para o Fundam 2. “Diante do impasse para a liberação das verbas pelo BNDES, com exigências em relação à fiscalização dos contratos, o Estado partirá para uma capitalização junto ao Banco do Brasil ou à Caixa Econômica. O apoio de Colombo à reforma de Previdência foi decisivo”, diz a nota de Magagnin.

Conteúdo impulsionado

O Palácio do Planalto está com dificuldades para conseguir os 308 votos necessários na Câmara dos Deputados para fazer avançar a reforma previdenciária e o presidente tem cobrado apoio dos governadores, para que influenciem nas bancadas estaduais.

Fundam2

O Estado buscava a liberação de empréstimo de R$ 700 milhões jundo ao BNDES – que tem imposto barreiras para liberar o dinheiro. Como Colombo vai renunciar ao mandato em abril para concorrer ao cargo de senador, ele tem presa na liberação da verba para que possa viabilizar o programa antes de ele encerrar seu segundo mandato. Desse modo, recorreu à presidência da República.

“Ainda tenho desafios pela frente, quero e vou conseguir viabilizar o Fundam. Apresentamos o projeto na Secretaria do Tesouro Nacional, que aprovou  e liberou a carta de crédito. O Ministério da Fazenda autorizou e fixou valor, nós vamos conseguir realizar, será minha última missão político-administrativa., disse o governador, em discurso na tribuna da Assembleia Legislativa de Santa Catarina, nesta terça-feira (6).

Conteúdo impulsionado