Com bairros infestados de mosquito Aedes aegypti, Florianópolis realiza mutirões contra dengue

Publicidade

A Prefeitura de Florianópolis, por meio do Centro de Controle de Zoonoses, está fazendo ações de mutirão contra a proliferação de focos do Aedes aegypti, mosquito vetor da dengue, nos bairros Monte Verde, Saco Grande e Cacupé. A iniciativa começou na última semana e deve terminar até o fim desta. 

Monte Verde e Saco Grande são considerados bairros infestados por focos do Aedes aegypti. Atualmente, Rio Vermelho, Centro, Capivari, Ingleses e Capoeiras são as localidades com maior incidência de focos do mosquito. 

Continua após a publicidade

Enquanto os mutirões são realizados, os agentes do Centro de Controle de Zoonoses seguem com suas ações de rotina, como o monitoramento de pontos estratégicos, armadilhas e investigações de denúncias. São 365 pontos estratégicos em toda a cidade as denúncias são atendidas de acordo com as demandas.  

A administração municipal reforça a importância da população manter-se atenta a possíveis focos do mosquito vetor da dengue para eliminá-los imediatamente. Depósitos que armazenem água parada, como pratos de vasos de planta e pneus, por exemplo, devem ser excluídos para evitar a proliferação do Aedes aegypti pela cidade. 

Capacitação sobre zoonoses 

Na manhã de segunda-feira (6), os Agentes de Endemias do Programa de Controle do mosquito Aedes aegypti participaram de uma capacitação sobre as zoonoses. A qualificação acontecerá ainda nesta terça e quarta-feira ministrada pela equipe técnica responsável do Centro de Controle de Zoonoses.  

A ação visa manter os agentes atualizados sobre o manejo e controle de doenças e vetores. Controle de caramujos, pombos, escorpiões e aranhas, além de assuntos como leishmaniose e raiva serão alguns dos temas abordados durante o treinamento.

Publicidade