Contrato de R$ 246 mil de Sérgio Guimarães com prefeitura está sob suspeita

Publicidade

O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) encaminhou para investigação da 2ª Promotoria de Justiça da Comarca de Biguaçu, através do procedimento número 05.2020.00028569-1, documentos relativos a duas contratações diretas da Prefeitura de Governador Celso Ramos, com recursos para o combate à pandemia de Covid-19, com valor somado de R$ 246.770,00. O serviço contratado com dispensa de licitação foi de sanitização para o controle do coronavírus na cidade. A empresa que recebeu os recursos foi a D.W Dedetização e Controle de Pragas, cuja proprietária é Dayana Wolff, esposa de Sérgio Guimarães, candidato a prefeito de Palhoça.

Dayana e Sérgio: investigação no MPSC apura os preços praticados

A contratação está sob suspeita de superfaturamento devido ao valor ser muito acima do cobrado pela mesma empresa em municípios da região, para prestação do mesmo tipo de serviço. Além disso, está anexado ao processo um áudio de Sérgio Guimarães (ouça abaixo) onde ele parece pedir para ver orçamentos de outras empresas antes de enviar a proposta dele.

Continua após a publicidade

ÁUDIO

Áudio de Sérgio Guimarães anexado ao procedimento em apuração no Ministério Público

O áudio de Sérgio Guimarães anexado ao procedimento que está em investigação no Ministério Público revela que ele parece ter combinado enviar uma proposta de preço, depois de “olhar” as propostas de outras empresas. Isso pode caracterizar fraude na compra dispensada de licitação e direcionamento de contratação.

Sérgio Guimarães: “Ah! Entendi, entendi. Não, maravilha! Mas alguém te mandando aí já, um ou, dois, três orçamento, tu me passa, só pra eu ter uma média, já pra ir preparado já, pra ganhar os caras. Entendeu, querido?

PREÇOS

A suspeita de superfaturamento do preço ocorre porque em Governador Celso Ramos o valor praticado pela empresa da esposa de Sérgio Guimarães foi de R$ 246.770,00, através de duas compras diretas, a de número 07/2020 (R$ 66.770,00) e a de número 13/2020 (R$ 180.000,00). Já em Biguaçu, a mesma empresa D.W. foi contratada para fazer o mesmo tipo de serviço por R$ 70.000,00. Em Santo Amaro da Imperatriz, Dayana Wolff foi contratada para fazer sanitização dos órgãos públicos por R$ 17.900,00.

Em uma conta simples, pode-se observar que o valor do contrato com a prefeitura de Governador Celso Ramos está cerca de 252% mais alto do que com Biguaçu. Já em comparação ao valor que a empresa de Dayana Wolff recebeu da Prefeitura de Santa Amaro da Imperatriz, a diferença é de 1275%.

Nota Fiscal de R$ 180 mil emitida para Governador Celso Ramos
Empresa de Sérgio cobrou R$ 7.524,00 por cada aplicação em UBS de Governador celso Ramos
Data dos pagamentos da Prefeitura de Governador Celso Ramos para Dayana Wolff

Pelas três imagens acima printadas do site da prefeitura, pode-se observar que a empresa recebeu integralmente o valor do contrato (R$ 246.770,00), em três operações: em 09/04/2020 foram pagos R$ 66.770,00; em 12/05/2020 mais R$ 1.800,00 e, em 26/05/2020, mais R$ 178,200,00.

Veja abaixo imagens da contratação da empresa de Dayana Wolff com a Prefeitura de Biguaçu:

Dayna Wolff contratada para sanitizar todas as UBS de Biguaçu, UPA e o centro de triagem. Valor: R$ 30.700,00

Pelas três imagens acima, a empresa da esposa de Sérgio Guimarães efetuou três contratos com a Prefeitura de Biguaçu com valor somado de R$ 70.000,00, montante bem abaixo dos R$ 246.770,00 acertados com Governador Celso Ramos.

Veja abaixo imagens da contratação da empresa de Dayana Wolff com a Prefeitura de Santo Amaro da Imperatriz:

Compra direta nº 132/2020.
Compra direta nº 256/2020

A contratação direta nº 256/2020, da empresa de Dayana Wolff pela Prefeitura de Santo Amaro da Imperatriz, revela a diferença dos preços cobrados pela empresa da esposa de Sérgio no município de Governador Celso Ramos. Enquanto que, em Santo Amaro o serviço custou R$ 2.800,00 para sanitizar duas UBS – valor médio de R$ 1.400,00 cada uma -, no município gancheiro comandado pelo prefeito Juliano Duarte o valor acertado foi de R$ 7.524,00 para cada aplicação em UBS, conforme imagem abaixo:

Item 2 da compra direta nº 7/2020. Preço para cada sanitização de UBS: R$ 7.524,00

VERSÕES DOS ENVOLVIDOS

Biguá News entrou em contato com a Prefeitura de Governador Celso Ramos, através dos canais oficiais, solicitando explicações referentes a essa contratação suspeita. Até o momento da publicação dessa postagem, ainda não obteve resposta.

Sérgio Guimarães negou qualquer irregularidade e disse que os valores estão de acordo com os serviços prestados em cada município.

“”Em Governador Celso Ramos nós sanitizamos 13 bairros, incluindo praças, pontos de ônibus e prédios públicos. Em duas UBS onde havia centros de triagem, foram contratadas cinco sanitizações cada uma, mas fizemos aplicações a mais, pois quando era confirmado algum caso de Covid nós éramos chamados para desinfectar a unidade novamente. Eu acompanhei cada trabalho e tem relatório de tudo. Também estou muito tranquilo em relação a isso, pois essa denúncia no Ministério Público foi arquivada”, argumentou Sergio, mostrando um print enviado pelo advogado dele.

Sobre o áudio, Sérgio Guimarães disse não lembrar para quem enviou e argumentou que o conteúdo mostra que ele estava apenas interessado em saber os preços de mercado para elaborar proposta competitiva.

A reportagem não ouviu Dayana Wolff, já que o seu esposo Sérgio repassou todas as informações solicitadas.

Print enviado às 14h02 por Jorge Lautert, advogado do candidato Sérgio Guimarães

Publicidade