Eduardo Cunha envia emissário para ameaçar Michel temer

Publicidade
Foto: Fornecido por New adVentures, Lda.
Foto: Fornecido por New adVentures, Lda.

O deputado afastado Eduardo Cunha tem dado sinais de que está insatisfeito com o presidente interino, Michel Temer.

Segundo informações divulgadas neste domingo (14) na coluna de Lauro Jardim, do jornal O Globo, Cunha enviou um representante para falar com Temer no Palácio do Planalto.

Continua após a publicidade

Durante a reunião, o emissário teria mencionado uma conversa recente com o deputado afastado. “O Eduardo me disse: ‘era uma vez cinco amigos que faziam tudo junto, viajavam, faziam negócios…. então, um virou presidente, três viraram ministros e o último foi abandonado’… E que isso não vai ficar assim”, disse o emissário.

O presidente interino, por sua vez, respondeu que “ele [Cunha] sabe que estou tentando ajudá-lo”. Na Câmara, o caso Cunha deve ser votado no próximo dia 12, uma segunda-feira, segundo o presidente da Casa, Rodrigo Maia.

A escolha da data, no entanto, causou estranhamento: historicamente, a Câmara não tem o costume de realizar votações deste tipo no primeiro dia da semana. Desde janeiro de 2015, só houve seis votações, todas de emendas constitucionais, medidas provisórias e projetos de lei.

Notícias ao Minuto

Publicidade