Governador Celso Ramos recebe certificado e já pode hastear a bandeira azul na Praia Grande

Publicidade

Para a temporada 2021/2022, Santa Catarina novamente vai figurar como o Estado mais azul do Brasil, com o maior número de certificações do Programa Bandeira Azul, reconhecimento da qualidade socioambiental de praias e equipamentos náuticos. Com a chancela de um júri internacional, o estado conquistou 15 das 28 certificações concedidas no país, o que representa 53% do total. Os certificados e bandeiras oficiais foram entregues nesta terça-feira (16), em evento realizado na Agência de Desenvolvimento do Turismo de Santa Catarina – Santur, em Florianópolis. Praia Grande, em Governador Celso Ramos, foi uma das contempladas.

Foto: Saul Oliveira/Santur

A partir de agora, as 12 praias, as duas marinas e um iate clube já podem hastear a Bandeira Azul, assegurando aos visitantes mais informações sobre a qualidade da água e ações de educação ambiental desenvolvidas no local.

Continua após a publicidade

– A Santur, em parceria com o Grupo de Trabalho de Turismo Náutico e a Acatmar, já vem há tempos trabalhando de forma inovadora e muito forte, sensibilizando o Governador Moisés sobre a importância do setor náutico e a economia do mar para o turismo, com geração de empregos e renda. Agora os resultados começam a aparecer e ficamos muito satisfeitos que Santa Catarina siga como destaque nacional no âmbito do Programa Bandeira Azul. Ser o Estado mais Azul do Brasil é sinônimo de que o turismo sustentável é praticado em Santa Catarina – disse o presidente da Santur, Renê Meneses. 

A presidente do GT Náutico e da Acatmar, Michele Castilho, reiterou que a Bandeira Azul é uma grande conquista para o turismo náutico e destacou o desafio de manter a certificação, que precisa ser renovada anualmente. 

– Alcançar a Bandeira Azul envolve muito trabalho. Mas o grande desafio é mantê-la, porque isso requer um grande envolvimento dos gestores e da comunidade, envolve uma mudança de comportamento e a motivação para trabalhar a gestão ambiental de forma continuada – frisou. 

Bandeira Azul

O programa Bandeira Azul, criado pela FEE – Foundation for Environmental Education, opera no Brasil por meio do Instituto Ambientes em Rede (IAR), com sede em Florianópolis. Para a coordenadora do Programa, Leana Bernardi, apesar das dificuldades que o programa exige, o momento é de reconhecer o esforço conjunto do Estado e dos municípios.

– Superamos diversas dificuldades para realizar todas as atividades exigidas pelo programa, mas conseguimos cumprir com todas as etapas e novamente conquistar mais bandeiras para Santa Catarina. Ficamos muito contentes com o resultado final – manifestou.

Infraestrutura turística

Além do apoio ao Programa Bandeira Azul, que amplia a visibilidade de praias e equipamentos, a Santur também realizou o Programa de Acessibilidade e o Balizamento Náutico, visando qualificar a infraestrutura de turismo náutico em Santa Catarina.

– Além de ser reconhecida como o estado mais azul do Brasil, devido ao número de certificações Bandeira Azul, também estamos nos tornando uma referência na parte de infraestrutura para o turismo náutico – finalizou Renê Meneses.

Confira os locais certificados para a temporada 2021/2022:

>> Renovação do selo
– Praia Grande, Governador Celso Ramos – SC
– Praia do Estaleiro, Balneário Camboriú – SC
– Praia do Estaleirinho, Balneário Camboriú – SC
– Praia de Piçarras – Balneário Piçarras – SC
– Praia de Quatro Ilhas, Bombinhas – SC
– Praia de Mariscal, Bombinhas – SC
– Praia da Saudade, Penha – SC
– Praia da Conceição, Bombinhas – SC
– Praia do Forte, São Francisco do Sul – SC
– Praia Grande, Penha – SC
– Iate Clube de Santa Catarina (sede Centro), Florianópolis – SC
– Tedesco Marina – Balneário Camboriú – SC

>>> Praias e marinas estreantes com o selo
– Praia da Bacia da Vovó, Penha – SC
– Prainha, São Francisco do Sul – SC
– Marina Itajaí, Itajaí – SC

Publicidade