Governo do Estado antecipa 13º e salário de dezembro aos servidores

Publicidade

O governador Raimundo Colombo decidiu antecipar o pagamento do salário do mês de dezembro e a segunda parcela do 13º salário para todos os servidores ativos e inativos do Estado. Com essa medida, o Governo espera aplicar na economia catarinense cerca de R$ 2 bilhões em menos de 20 dias. Serão beneficiados 153 mil servidores ativos, inativos e pensionistas vinculados ao Poder Executivo e deve movimentar o comércio e estimular as vendas de Natal.

O cálculo leva em conta os salários de novembro (R$825,2 milhões), pago no último dia 30, a segunda parcela do 13º (R$368,6 milhões), agendada para 15 de dezembro, e o salário de dezembro (R$ 866,2 milhões), que será antecipado no dia 18 de dezembro. “Em tempos de crise econômica generalizada, é ainda mais relevante por parte do Governo honrar este compromisso com os servidores”, destaca o secretário de Estado da Fazenda, Antonio Gavazzoni.

Continua após a publicidade

Para o secretário de Estado da Administração, João Matos, o esforço coletivo das várias áreas do Governo qualificou gastos públicos e aprimorou tanto o controle de gestão quanto a fiscalização tributária. “Isso nos permite encerrar o ano com 13º salário e a folha de dezembro pagas com antecipação, enquanto outros Estados não conseguem manter os salários em dia. Nossas equipes seguem atentas para enfrentar os desafios de 2016”, afirma Matos.

A primeira parcela do 13º foi paga pelo Executivo no dia 17 de julho. A projeção de gastos totais com a folha de pagamento dos servidores públicos estaduais em 2015 é de aproximadamente R$10 bilhões, de acordo com a Diretoria do Tesouro Estadual.

A informação é da assessoria.

Publicidade