Inaugurada em Biguaçu ‘supercreche’ com 240 vagas; vejas as fotos

Publicidade

Centenas de pessoas acompanharam, neste sábado de manhã, a inauguração do Centro de Educação Infantil (CEI) Cecília Alaíde de Carvalho Rosa, a “supercreche”, construída na rua Arcanjo Antônio Henrique, na divisa dos bairros Jardim Janaína e Bom Viver, na região Sul de Biguaçu. A nova estrutura vai possibilitar a abertura de mais 240 vagas para crianças com idade de zero a seis anos de idade.

Logo após a entrega da unidade à comunidade, o prefeito Ramon Wolingger (PSD) disse, ao Biguá News, que o investimento foi de R$ 1.175 milhão, provenientes do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), e que a Prefeitura de Biguaçu aplicou uma contrapartida de R$ 258.4 mil. “Essa grande obra vai gerar imenso benefício para os moradores dos dois bairros, que esperavam muito por essa creche. Temos projetos para mais duas creches, no bairro Saveiro e Jardim Saudade, e estou buscando os recursos junto ao governo federal”, comentou o gestor.

Continua após a publicidade

Wollinger ressaltou que foi um desafio finalizar e entregar a obra, em tempos de crise financeira no país. Desde o começo de 2015, o caixa do município está com arrecadação em queda, além de baixas nas transferências constitucionais do Estado e da União. “Além disso temos outro desafio, que é a manutenção dessa estrutura. Teremos cerca de 40 funcionários públicos trabalhando aqui, entre professores, merendeiras, zeladores e vigia. Então não é só a obra física em si, mas sim também manter o corpo funcional”, comentou.

A diretora do CEI Cecília Alaíde de Carvalho Rosa, a pedagoga e assistente social Ana Cristina Espíndola, de 43 anos, informou, à reportagem, que as aulas começam já nesta segunda-feira, com cerca de 180 crianças matriculadas. No decorrer dos próximos dias, haverá o ingresso de mais meninos e meninas, até completar a capacidade máxima da unidade.

“Para mim é um desafio muito grande gerir uma creche desse porte, mas farei isso com gestão participativa, com todos os profissionais decidindo coletivamente”.

Ana Cristina ressaltou que os pais das crianças que frequentarão o CEI podem ficar tranquilos, pois haverá todo o empenho e dedicação da equipe de funcionários que lá trabalharão. “Temos uma equipe pedagógica formada de professores muito competentes e isso já me deixou satisfeita e muito otimista. Aos pais eu digo que fiquem tranquilos, pois estaremos aqui para o que for preciso. Entendo que a parceria entre família e comunidade sempre deve ser feita, para que o processo de educação aconteça com sucesso”, finalizou.

A nova creche possui estrutura adaptada para portadores de necessidades especiais e tem cinco blocos distintos: administrativo, serviços, multiuso e dois blocos pedagógicos. Os cinco blocos juntamente com o pátio interno são interligados por circulação coberta. Na área externa há um espaço para recreação e convivência entre as crianças.

Fotos: Alexandre Alves/Biguá News

Publicidade