Inscrições do Prêmio de Comunicação Trabalho Seguro são prorrogadas até 30 de outubro

Publicidade

Profissionais de jornalismo interessados em participar do Prêmio de Comunicação Trabalho Seguro terão mais uma oportunidade para isso. O Tribunal Regional do Trabalho de Santa Catarina (TRT-SC) decidiu prorrogar as inscrições, que terminariam nesta quinta-feira (15), e vai receber os trabalhos até 30 de outubro. O ato da prorrogação foi publicado nesta quinta-feira no Diário Oficial Eletrônico do Tribunal, a pedido do desembargador Amarildo Carlos de Lima, gestor regional do Programa Trabalho Seguro (PTS).

O prêmio oferece mais de R$ 30 mil aos trabalhos finalistas. Centradas no tema saúde e segurança do trabalho, as matérias e fotos podem abordar questões relacionadas ao trabalho decente, Justiça do Trabalho, acidente e doenças do trabalho, trabalho da mulher, trabalho doméstico, insalubridade, profissões perigosas, regulamentação de profissões, trabalho rural, legislação trabalhista, entre outros. Para concorrer, os trabalhos devem ter sido veiculados entre 1º de janeiro e 30 de outubro deste ano.

Continua após a publicidade

O evento tem o apoio institucional da Associação Catarinense de Imprensa (ACI), que ficará responsável pela indicação dos integrantes das comissões julgadores.

 

O prêmio terá cinco categorias: reportagem em texto (veículos impressos e de internet), reportagem em rádio, telejornalismo, fotojornalismo e estudante, cujos trabalhos poderão ser apresentados em qualquer formato. Só podem concorrer matérias publicadas em veículos ou portais de notícias sediados em Santa Catarina. Trabalhos divulgados em canais de comunicação pessoais e institucionais – empresas, órgãos públicos, associações, ONGs, sindicatos, etc – não poderão ser inscritos.

Os trabalhos finalistas receberão R$ 4 mil (primeiro lugar), R$ 2 mil (segundo) e R$ 1 mil (terceiro), num total de R$ 31,5 mil, obtidos por meio de Termo de Ajustamento de Conduta entre o Ministério Público do Trabalho e a distribuidora Eletrosul. Apenas a categoria estudante terá uma premiação diferenciada: o vencedor receberá R$ 2 mil, o segundo colocado, R$ 1 mil, e o terceiro lugar, R$ 500.

O PTS é uma iniciativa do Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) e do Tribunal Superior do Trabalho (TST), em parceria com diversas instituições públicas e privadas, para formular projetos e ações nacionais voltados à prevenção e ao fortalecimento da Política Nacional de Segurança e Saúde no Trabalho. O TRT-SC foi um dos tribunais que mais obteve adesões, contando atualmente com quase 80 parceiros.

De 2011 a 2013, ocorreram no Brasil mais de 2 milhões de acidentes de trabalho, sendo 77% deles típicos, ou seja, decorrentes da própria natureza da atividade. No mesmo período, foram 8.503 mortes.Também nesses três anos, Santa Catarina foi o sexto estado que mais registrou acidentes, chegando a 138 mil (47% típicos), com 462 mortes no período. A atividade com mais registros continua sendo o abate de aves, suínos e outros pequenos animais, com 1,8 mil casos em 2013, sendo 58% típicos.

Publicidade