Justiça manda prender ‘bicheiros’ em seis cidades de SC

Publicidade

A Polícia Civil deflagrou, nesta quinta-feira (8), a operação “Castelo de Cartas”, visando o cumprimento de nove mandados de prisões temporárias, cinco conduções coercitivas (quando a pessoa é levada para depor e depois liberada), e 19 mandados de busca e apreensão, contra um grupo criminoso que comanda o “jogo do bicho” nos municípios de Araranguá, Balneário Arroio do Silva, Balneário Rincão, Tubarão, Criciúma e Gravatal.

Os mandados foram emitidos pela Comarca de Araranguá. Além dessas medidas, a Justiça decretou ainda o bloqueio de ativos financeiros de 13 pessoas físicas e jurídicas e o sequestro de 22 veículos. A ação policial é feita através da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC), com apoio do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC).

Continua após a publicidade

A operação apura o crime de lavagem de dinheiro praticado por organização criminosa especializada na exploração do “jogo do bicho”. Além disso, também estão sendo apurados os crimes de corrupção ativa, corrupção passiva e tráfico de influência, praticados pela organização criminosa em conluio com agentes públicos.

As informações são da Polícia Civil.

Publicidade