Lideranças pedem vacina da Janssen para municípios da Grande Florianópolis

Publicidade

Nesta quinta-feira (10), foi protocolado junto ao gabinete do governador Carlos Moisés e do Secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, um ofício de líderes políticos da Grande Florianópolis solicitando a divisão das 104.400 doses da Janssen para as cidades da região e não somente para a Capital, conforme sugere o Ministério da Saúde. Essa vacina tem alta eficácia com dose única e possui resposta “robusta” contra variantes do coronavírus em estudo.

Assinam o documento os vice-prefeitos de Biguaçu, Alexandre Martins de Souza, e de Antônio Carlos, Filipe Schmitz, e os vereadores de São José, Cryslan de Moraes; de Palhoça, Fábio Coelho; de Garopaba, Jean Ricardo; e de Paulo Lopes, Fernanda Leite.

Continua após a publicidade

As 104.400 doses do imunizante da Johnson & Johnson que deverão chegar na próxima semana, segundo anúncio do governador em suas redes sociais, virá com data de validade de 27 de junho. Neste sentido, o Ministério da Saúde, indicou para todo o Brasil o uso destas doses somente nas capitais, em função da necessidade da rápida distribuição e aplicação.

Na carta, os líderes pedem que “possam ser feitos todos os esforços possíveis, e utilizado de todas as ferramentas de logística disponíveis para rápida distribuição não só para a Capital, mas minimamente para toda Grande Florianópolis”. Sugerem ainda que, “mesmo neste momento, e com as dificuldades vistas, possamos garantir o princípio da proporcionalidade e igual oferecimento de vacina a todos os municípios e cidadãos”.

As informações são da assessoria.

Publicidade