Mulher é presa em Florianópolis com cerca de R$ 2 milhões em comprimidos de ecstasy

Publicidade
drogas_23022016
Comprimidos vinham da Holanda, segundo a PM (Foto: Polícia Militar/ Divulgação)

g1Uma mulher e um homem foram presos em flagrante às 7h45 desta terça-feira (23), no Terminal Rodoviário Rita Maria, em Florianópolis, com uma carga de 68 mil compridos de ecstasy, informou o tenente-coronel Marcelo Pontes, da Polícia Militar. A quantidade de droga apreendida está avaliada em R$ 2 milhões.

De acordo com a Agência Central de Inteligênica (ACI) da PM, a mulher fez o transporte da droga e o homem seria a ‘mula’ na capital catarinense. Ambos têm 27 anos e foram encaminhados às 10h30 para procedimentos na Polícia Civil.

Continua após a publicidade

Segundo a Polícia Militar, as drogas tinham como origem Amsterdã, na Holanda. A mulher seria natural de Goiânia (GO) e, por falar fluentemente inglês, foi aliciada para realizar o transporte. Após receber a carga na Europa, ela seguiu viagem de avião para o Rio de Janeiro e de ônibus para Florianópolis.

Conforme Pontes, a inteligência da Polícia Militar brasileira já monitorava o deslocamento da mulher. O homem que recebeu a carga informou à PM que iria levar o material para um hotel da capital. No local, outros traficantes iriam retirar os comprimidos para venda.

Publicidade