Mulher que teve o corpo queimado pelo marido morre no hospital

Publicidade
Ela ficou internada por 47 dias no hospital e não resistiu

Cristiane Palopoli, de 33 anos, morreu na última quinta-feira (9) no Hospital São José de Joinville, onde ela estava internada desde o dia 25 de junho, quando teve parte do corpo queimado após ter sido atingida por gasolina dentro de casa, em São Francisco do Sul.

Segundo a Polícia Civil, o ex-marido dela é o principal suspeito. O crime teria ocorrido na frente dos quatro filhos. Embora fossem separados, eles moravam na mesma casa. Cristiane foi arrastada até o banheiro e lá o fogo foi ateado.

Continua após a publicidade

Os vizinhos levaram a vítima para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Depois, ela foi transferida para o hospital. Embora a polícia tenha pedido a prisão preventiva do suspeito, ele continuava foragido até a manhã deste sábado (11).

As informações são do G1.

Publicidade