Polícia Civil prende principais líderes do tráfico no Sul da Ilha

Publicidade

A Polícia Civil, através da Delegacia de Combate as Drogas (Decod), deflagrou na última sexta-feira, 31, a operação Ligna (que significa madeira em latim, em virtude do envolvimento de um empresário do ramo de madeiras), e que resultou na prisão dos principais líderes do tráfico de drogas, na Costeira do Pirajubaé, no Sul da Ilha.

Foram cumpridos cinco mandados de prisão, dos 11, expedidos pelo Judiciário. Um dos mandados de prisão foi contra um homem, de 37 anos, considerado o líder do tráfico de drogas, na Costeira. Ele já  encontra-se recluso, temporariamente, por ser suspeito de ser o mandante de um homicídio, ocorrido no início deste mês, em frente ao Mercado Público, na Capital. Também foi preso, um homem, de 26 anos, considerado o braço direito do líder; um empresário no ramo de madeireira, de 36 e o responsável por adquirir drogas de outros Estados para distribuir na Costeira e em outras localidades; um homem, de 26, atuante no tráfico da Costeira e um homem, de 35 anos, atuante no tráfico de drogas e pertencente à associação criminosa que atuava em Palhoça.

Continua após a publicidade

De acordo com o Delegado Attílio Guaspari Filho, há seis investigados com mandado de prisão que não foram localizados nesta operação e são considerados foragidos. “A operação busca desmantelar toda a liderança do tráfico na Costeira. No decorrer do Inquérito Policial da Decod, desde o ano de 2015, foram apreendidos os veículos utilizados pelos criminosos para o transporte da droga, bem como, cerca de 300 quilos de drogas”, explica.

Segundo o Delegado, o grupo também estaria envolvido em outros homicídios na Capital. “Provas em torno destas mortes serão compartilhadas com a da Delegacia de Homicídios, na coletiva desta tarde, na sede da Decod”, afirma.

Participaram da operação, cerca de 60 policiais civis, da DECOD, com apoio de DRR, DH, DIPC, CINI, DRACO, DFRV/DEIC, 2ª DP, 5ª DP, DPCAMI da Capital e de Palhoça, DPCO de Palhoça e DIC de Palhoça.

Publicidade