Ângelo pede licença de 30 dias para fazer cirurgia

Publicidade

O presidente da Câmara de Biguaçu, Ângelo Ramos Vieira (PSD), solicitou, na noite desta segunda-feira (2), licença do cargo de vereador – e por consequência da Mesa Diretora – pelo período de 30 dias, para uma cirurgia eletiva no pé esquerdo. Ele será internado no Hospital Regional de Biguaçu durante a noite de hoje e passará pelo procedimento na manhã desta terça-feira.

Ângelo disse, ao Biguá News, que há meses possui um problema no pé que lhe causa muita dor. Ele não está conseguindo apoiar o peso do corpo na perna esquerda devido à isso. No dia 20 de setembro, Ramos chegou a cair durante uma sessão solene em homenagem à Academia de Letras de Biguaçu, ao tentar sentar-se após fazer uso do microfone e, por descuido, apoiar-se no pé machucado. Após vários exames nos últimos meses, optou-se pela cirurgia.

Continua após a publicidade

Enquanto Ângelo estiver licenciado para recuperação médica, a Casa de Leis será comandada pelo vice-presidente Fernando Duarte (PP). Na vaga de Vieira assumirá o suplente Claudemir Aires, o Chapecó (PSD) – que atualmente é secretário municipal de Desenvolvimento Urbano e Transportes.

Ângelo Ramos Vieira (Foto: Biguá News)

O prefeito Ramon Wollinger informou que não vai nomear outro secretário nesse período e designará um servidor da própria Secretaria para tocar a pasta interinamente.

 

Publicidade