Presidente da Licob renuncia ao cargo alegando falta de apoio da Prefeitura de Biguaçu

Publicidade
Junior Moresco (Foto: Licob)

O presidente da Liga de Futebol da Comarca de Biguaçu (Licob), Júnior Moresco, informou ao Biguá News na tarde desta quinta-feira (31) que está renunciando ao cargo, sobretudo por alegada falta de apoio da Prefeitura de Biguaçu para os eventos realizados pela entidade. Afirma, em nota, ainda, que a premiação do campeonato municipal de 2018 está protestada em cartório devido à essa suposta falta de apoio e que não conseguiu reunir-se com o prefeito Ramon Wollinger (PSD) para resolver o que ele chamou de “constrangimento”.

Moresco ainda fez críticas à atuação da vereadora Salete Cardoso (PR), que, segundo ele, tentou impor algumas coisas de “goela abaixo”. Pontuou que o vice-presidente Fritz tocará a Licob, junto com os atuais diretores.

Continua após a publicidade

Biguá News procurou o prefeito Ramon para expor a sua versão, bem como Salete Cardoso. A vereadora enviou nota publicada abaixo. Assim que o prefeito responder, sua manifestação será publicada.

A Asclubig foi citada na nota de Moresco e sua presidente, Patrícia Garcia, também enviou considerações publicadas mais abaixo.

Veja a íntegra da nota enviada por Júnior Moresco:

Eu como Presidente eleito declaro estar renunciando neste exato momento a Presidência da Licob e que a partir deste momento o Fritz responderá pela Licob e os diretores atuais continuam com os poderes a eles dirigidos e que continuem fazendo o melhor para o esporte de Biguaçu..
A falta de apoio da Prefeitura Municipal de Biguaçu, que fez no anos de 2018 ficássemos com protesto da premiação que eles foram entregar no campo e usaram microfone pra se promover juntamente com a Vereadora Salete Cardoso e por falta de pagamento desta verba o título se encontra protestando em Cartório..
Que desde novembro se tenta sentar uma mesa junto ao prefeito para melhorar essa organização e evitar esses constrangimentos de título protestado por falta de pagamento..
Considerando que passado os meses de novembro, dezembro e janeiro e não conseguimos sequer sentar à mesa para conversar com as autoridades do município e por perceber ainda uma perseguição a este presidente desde o momento em que entrou em atrito com a vereadora Salete Cardoso após a mesma querer impor algumas coisas de “goela abaixo” deste e eu não aceitei…
considerando que a prefeitura no ano de 2018 passou ao esporte de Biguaçu o favor de apenas 36 mil reais para a Licob pagar a arbitragem aos clubes e passou para Asclubig o Valor parecido, sendo que Asclubig nem poderia por ter problemas nas prestações de contas públicas.. declaro que a partir de primeiro de fevereiro de 2019 estou renunciando à presidência da entidade.. boa sorte a todos..

Veja a íntegra da nota da vereadora Salete Cardoso:

Esse Senhor Júnior Moresco foi Cargo Comissionado do governo municipal, saiu para pegar um cargo de Assessor do Deputado Mário Marcondes. Não sei qual é o problema dele, qua do ele pega um microfone me elogia tanto, se quiser a câmara de vereadores tem ata comprovando isso, mesmo quando era assessor de um Deputado. Não sei resolver o atrito dele, acho que têm que ter um profissional para o assunto.

Nota da presidente da Asclubig, Patrícia Garcia:

Asclubig está com as negativas em ordem , o único problema em contas da asclubig são de tarifas bancárias , não temos problemas em prestações de contas , acho muito inconveniente falar mal de uma instituição que nunca se manifestou contrária a qualquer outra .

Publicidade