Real goleia Juventus e conquista a Liga dos Campeões pela 12ª vez

Publicidade

Rei da Europa! O Real Madrid é o dono da Liga dos Campeões e mostrou isso mais uma vez neste sábado, em Cardiff, capital do País de Gales, onde venceu por 4 a 1 a Juventus e conquistou pela 12ª vez a Liga dos Campeões. Quem chega mais perto dos merengues é o Milan, com sete títulos.

Cristiano Ronaldo brilhou, fez dois gols e alcançou a marca de 600 na carreira. Casemiro e Asensio fizeram os outros do time espanhol, enquanto Mandzukic fez o único gol da Velha Senhora. Festa em Cardiff e nas ruas da capital espanhola. E a consagração de Zidane, que em um ano e meio como técnico conquistou duas vezes a Champions, um Campeonato Espanhol e um Mundial de Clubes da Fifa.

Continua após a publicidade

Como era esperado, o equilíbrio deu o tom nos primeiros 45 minutos. Massimiliano Allegri apostou em três zagueiros, com Bonucci, Barzagli e Chiellini. Dava uma ideia de um 3-5-2, com Daniel Alves e Alex Sandro abertos pelas laterais. Porém, em determinados momentos esse esquema ficava com duas linhas de quatro, bem fechado. Isso dificultou o início de jogo do Real Madrid, que teve dificuldades para encontrar espaços e chegar com perigo.

Mas o time espanhol conseguiu furar o bloqueio e abriu o placar com Cristiano Ronaldo, aos 20 minutos. Ele recebeu de Carvajal, bateu e contou com o desvio em Bonucci para comemorar. Bem jogo, a Velha Senhora empatou com uma obra de arte de Mandzukic, que acertou uma meia-bicicleta e fez a torcida italiana explodir em Cardiff.

Cristiano Ronaldo fez dois gols na partida (Foto: Reuters)

Se na etapa inicial a Juventus conseguiu equilibrar as ações, no segundo tempo levou um baile do Real Madrid. Quando o árbitro apitou, o time espanhol já mostrou que dificilmente deixaria escapar a 12ª taça da Liga. Foi um grande jogo coletivo e individual. A pressão foi enorme e o segundo gol veio quando Casemiro acertou uma bomba de fora da área aos 15 minutos, sem dar chances de defesa para Buffon.

A Velha Senhora não teve mais forças para reação. O time de Zidane trabalhou a bola, dominou o meio de campo e ampliou com CR7 logo em seguida. Ele aproveitou um passe de Modric e completou para a rede. No fim do jogo, Asensio ainda fez mais um para fechar o placar.

Publicidade