Secretaria da Justiça inicia instalação de escâneres em penitenciárias de SC

Publicidade

A Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania (SJC) iniciou na segunda-feira, 3, o processo de instalação de escâneres corporais nas unidades prisionais e penitenciárias de Santa Catarina. Todos os 12 equipamentos, que irão atender um total de 14 unidades e onde estão concentrados 60% dos apenados de Santa Catarina, estarão operando plenamente até final de maio. Na sexta-feira, dia 7, o aparelho já estará funcionando na penitenciária de Blumenau, a primeira unidade a receber o equipamento.

De acordo com o diretor de Financeiro da SJC e secretário de Estado da Justiça e Cidadania em exercício, Edemir Alexandre Camargo Neto, os equipamentos, instalado dentro de uma cabine de vidro, são  considerados os mais modernos e avançados para detectar qualquer tipo de metal, armas, drogas, celulares e objetos estranhos que possam estar escondidos em roupas. “Eles irão reduzir em mais de 50% o tempo de revista  além de garantir mais segurança para os operadores do sistema prisional e para a sociedade como um todo”, ressaltou.

Continua após a publicidade

Os 12 equipamentos de escaner  corporal (Body Scan) irão atender, inicialmente,  14 unidades prisionais catarinenses. Serão instalados: na Penitenciária Industrial de Blumenau; Presídio de Blumenau; Complexo Penitenciário do Vale do Itajaí (para atender penitenciária e presídio); Presídio de Joinville; Penitenciária Industrial de Joinville; Penitenciária de Florianópolis (para atender penitenciária e Central de Triagem); Complexo Penitenciário de São Pedro de Alcântara; Penitenciária Agrícola de Chapecó; Penitenciária Industrial de Chapecó; Penitenciária Sul de Criciúma; Presídio de Criciúma; Penitenciária da Região de Curitibanos.

Publicidade