Servidores municipais escolherão o novo secretário de Educação

Publicidade
Ramon já está tomando as providências para que o secretário seja definido pelos servidores (Foto: Biguá News)
Ramon já está tomando as providências para que o secretário seja definido pelos servidores (Foto: Biguá News)

O futuro secretário de Educação de Biguaçu, para a gestão 2017-2020, será escolhido pelos próprios servidores da rede municipal de ensino, junto com funcionários do setor administrativo da Prefeitura. A informação foi repassada em primeira mão pelo prefeito Ramon Wollinger (PSD), em entrevista ao Biguá News.

“Nós já estamos trabalhando para a formação de um fórum com todos os profissionais da Educação, para traçar as metas para 2017, entre elas a que vai decidir quem será o novo secretário”, comentou o prefeito reeleito.

Continua após a publicidade

O próprio fórum vai traçar as regras para a escolha do profissional que comandará a pasta da Educação pelos próximos quatro anos. Contudo, o prefeito já informou que o escolhido deverá ter perfil técnico, com formação pedagógica e experiência em gestão.

Ramon vai conduzir pessoalmente essa transição. A Secretaria de Educação está sem titular e o prefeito vai visitar todas as escolas municipais e creches para explicar o projeto aos professores, aos técnicos e todos os servidores da área. “Até o final do ano letivo eu mesmo vou tomar as decisões necessárias. Mas nós queremos finalizar essa escolha do novo secretário até dezembro, por meio desse fórum”, falou Wollinger.

Eleição de diretores de escolas

A inovação de Ramon Wollinger para nomear o secretário também será estendida à escolha dos futuros diretores das escolas municipais e creches. O prefeito confirmou que serão os próprios professores e servidores de cada escola que vão definir quem vai gestionar as unidades em 2017.

“Nos fizemos um projeto piloto nesse sentido, nas escolas Olga Borgonovo e Manoel Roldão das Neves, e também na creche do Jardim Janaína. Isso deu muito certo e agora será feito em todas as unidades do município”, disse.

Atualmente a rede municipal tem 918 servidores, entre professores, técnicos, motoristas, zeladoras, merendeiras, vigias, entre outras funções.

Publicidade