Suspeito de pedofilia por compartilhar imagens de crianças é preso pela PF em São José

Publicidade

G1 – Um homem de 32 anos foi preso em flagrante, em São José, e teve os equipamentos de informática apreendidos pela Polícia Federal. Ele é suspeito de baixar e compartilhar na internet mais de 700 fotos e vídeos envolvendo crianças e adolescentes, em situações que caracterizam pedofilia. A prisão ocorreu na manhã de quinta-feira (26) e foi divulgada pela PF na tarde desta sexta (27).

As investigações conseguiram identificar o usuário e foi pedido à Justiça um mandado de busca e apreensão. Oito policiais federais fizeram o cumprimento desse mandado na casa do homem e o encontraram com o material no computador.

Continua após a publicidade

A PF informou que ele pagou fiança de R$ 15 mil e vai responder ao processo em liberdade. A polícia não divulgou mais informações sobre o investigado.

Prisões e punições

A PF também informou que, com esse caso, chegou a quatro o número de prisões na Grande Florianópolis relacionadas à posse ou compartilhamento de imagens pornográficas de crianças e adolescentes em 2018.

O crime de compartilhar arquivos de pornografia infantil tem pena de prisão de três a seis anos, segundo o Estatuto da Criança e do Adolescente. Já o de posse de arquivos com esse tipo de material tem pena de um a quatro anos de prisão.

Publicidade