Casal é preso sob acusação de matar uma mulher a tiros em Palhoça

A Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Palhoça, cumpriu o mandado de prisão temporária em desfavor de uma mulher por envolvimento no homicídio ocorrido no dia 6 de novembro de 2017. A ordem judicial foi cumprida na última semana.

A vítima foi morta por disparos de arma de fogo, em área de mata, no bairro Laranjeiras. Um homem, considerado comparsa da suspeita, foi preso na Guarda do Embaú.

Conteúdo impulsionado

Após investigação, a polícia representou, no final de novembro 2017, pelas prisões temporárias da suspeita e do homem. “As investigações apontam que o casal arquitetou e executou a jovem”, explica um policial.

O trabalho de investigação continua no sentido de esclarecer ainda mais o crime. Ambos os presos foram encaminhados ao sistema prisional. Auxiliaram durante as investigações policiais do 7ºBPM e do 16º BPM.

Conteúdo impulsionado