Dois são presos em Biguaçu por direção perigosa de Ranger Rover na BR-101

Publicidade
Range Rover era conduzido de forma perigosa pela rodovia (Foto: PRF)
Range Rover era conduzido de forma perigosa pela rodovia (Foto: PRF)

Dois homens foram presos, nesta quinta-feira de manhã, em Biguaçu, sob a acusação de praticarem direção perigosa na BR-101, furarem uma barreira policial e também sob a acusação de conduzirem um veículo Range Rover Evoque, sob o efeito de embriaguez.

De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), por volta de 8h, policiais da unidade da PRF de Biguaçu, receberam denúncia de vários motoristas que uma Evoque com placas de São Paulo, transitava de forma extremamente perigosa pela BR-101, no sentido Balneário Camboriú – Florianópolis. Os federais fizeram uma blitz e determinaram a parada do veículo, mas o motorista fugiu.

Continua após a publicidade

Os policiais iniciaram a perseguição. O condutor, de 33 anos, entrou no pátio de uma residência, colidindo no portão, e trocou de lugar com o passageiro, de 25 anos. Os policiais conseguiram abordar o Range Rover cerca de oito quilômetros à frente. No veículo haviam cinco pessoas – os dois homens e mais três mulheres. Eles haviam saído de uma festa, em Balneário Camboriú, e se dirigiam para a praia de Jurerê, no norte de Florianópolis.

Inicialmente os dois homens negaram que haviam trocado de lugar, mas depois admitiram a mudança. O motorista que estava dirigindo na hora da abordagem fez o teste do bafômetro e foi constatado que ele estava embriagado. O motorista que passou na frente da PRF e fugiu, também apresentava sinais de embriaguez, mas negou-se a fazer o teste. Além disso, ele não possui Carteira Nacional de Habilitação. O veículo também apresentava irregularidades na placa, razão pela qual foi retido.

“Diante destas irregularidades, foram lavrados vários autos de infração e os dois homens encaminhados para a Polícia Civil de São José”, informou a PRF.

Publicidade