Doze pessoas são detidas por farra do boi na Praia de Palmas

Publicidade

A Polícia Militar conteve mais uma farra do boi em Governador Celso Ramos, neste sábado de aleluia. A ocorrência foi durante a noite, na Praia de Palmas, e acabou com 12 pessoas detidas. Conforme informações da PM repassadas ao Biguá News, muitos dos farristas presos na ocorrência possuem passagens criminais por tráfico, roubo e furto.

De acordo com as informações, durante rondas na localidade de Palmas, policiais militares depararam-se com a prática de farra do boi. Centenas de farristas corriam atrás do animal, munidos de pedras, paus e foguetes, buscando afugentá-lo.

Continua após a publicidade
Farra do boi em Palmas acaba com prisões na noite de sábado (Foto: PM)

“A guarnição foi recebida com xingamentos, arremesso de pedras, garrafas e foguetes, tendo a Polícia Militar respondido à injusta agressão com força necessária para conter a situação e inibir a prática de maus tratos ao animal”, pontuou o tenente Eduardo Schwarz.

Após duas horas de cerco, os policiais militares tomaram o local e, com apoio de agentes da CIDASC, conseguiram capturar o animal, o qual foi repassado a membros de uma ONG de proteção a animais. O boi não tinha forças para ficar de pé e não conseguia subir no caminhão, conforme a PM.

Segunda farra do dia

Foi o segundo registro de farra do boi em Governador Celso Ramos no mesmo dia. Durante a tarde de sábado,  as forças policiais foram acionadas por moradores contrários à tal prática, para conter a correria no bairro Ganchos do Meio, no local conhecido como “Canal da Olaria”. Também naquela ocasião, os policiais foram recebidos com hostilidade por parte dos farristas – que teriam jogado pedras e objetos contra a guarnição.

Diante do fato, a PM solicitou reforço do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e do helicóptero da PM. No final, o boi acabou abatido, segundo a PM, por estar praticamente exaurido de forças.

Publicidade