Homem é perseguido e assassinado na avenida Beira-Mar Norte

Publicidade
Guto Kuerten e Victor Pereira

reportagem@diario.com.br

Um homem, identificado como Márcio Henrique da Silva Júnior, de 26 anos, foiassassinado na Avenida Beira-Mar Norte, em Florianópolis, na manhã desta terça-feira. Ele seria morador da Vila Santa Rosa, nas proximidades da Casa d’Agronômica.A Polícia Militar foi acionada e, ao chegar para atender a ocorrência, trocou tiros com os dois criminosos envolvidos na execução. A dupla fugiu para o mangue do bairroItacorubi, onde a PM ainda faz buscas com auxílio de um helicóptero da corporação e do Bope. Um dos suspeitos foi encontrado e preso por volta das 11h10min.

O crime ocorreu por volta de 8h15min, em frente ao Supermercado Angeloni. Dois homens em um Uno atropelaram a vítima no sentido Centro-bairro e depois atiraram contra ela. Márcio ainda conseguiu atravessar o canteiro central da Beira-Mar, mas os assassinos o perseguiram e dispararam pelo menos mais seis tiros contra ele, que morreu no local.

Continua após a publicidade

A equipe da Delegacia de Homicídios da Polícia Civil chegou ao local por volta de 9h25min. O corpo do rapaz continuava no local, em frente ao Supermercado Angeloni, até por volta de 9h40min, quando o Instituto Geral de Perícias (IGP) se deslocou para fazer a perícia e remoção do corpo.

Segundo uma testemunha e a Polícia Militar, os dois suspeitos começaram a atirar contra a vítima na Rua Antônio Carlos Ferreira. Um dos suspeitos estaria correndo e o outro dentro do Uno. A vítima corria para fugir dos disparos quando foi atingida pelo veículo e, depois, pelos tiros.


Uno usado pelos criminosos (Fotos: Guto Kuerten / Agência RBS)

Conforme outra testemunha, um dos suspeitos teria sido atingido no ombro antes de fugir em direção ao mangue. Em razão do crime nas pistas da Beira-Mar e da mobilização na procura pelos suspeitos, o trânsito fluiu com lentidão nos dois sentidos da via. As pistas no sentido bairro-Centro permaneceram fechadas até as 10h, gerando filas que chegaram ao trevo de entrada ao bairro Cacupé. A partir das 10h15min o fluxo de veículos começou a se normalizar.


Bope auxilia na busca aos criminosos no mangue do bairro Itacorubi

Publicidade