Homem que estuprou duas crianças é preso em São José

Publicidade

Um homem de 44 anos foi preso em São José, na tarde de quarta-feira (11), sob a acusação de ter estuprado uma criança de quatro anos em Rancho Queimado, e ainda por possuir sentença condenatória da Justiça do Pará, também pelo crime de estupro de uma menina de sete anos. O indivíduo – cujo nome não foi divulgado – estava foragido devido a essa condenação no seu Estado de origem e ainda cometeu o mesmo crime, em Santa Catarina.

Conforme o delegado Rodrigo Mayer, o acusado, em 2014, foi descoberto e denunciado por estupro de vulnerável, por ter abusado sexualmente de uma menina com emprego de violência e ameaças de morte durante três anos. Ele foi considerado, pela Promotoria da Vara de Crimes contra Crianças e Adolescentes de Belém (PA), que apurou o caso, como um sujeito de “alta frieza e periculosidade” por ter deixado a vítima extremamente traumatizada.

Continua após a publicidade

“O delegado de Polícia de Bengui, em Belém, mencionou em sua representação que o homem agiu de forma covarde e deveria ser segregado, tendo em vista ter fugido do distrito da culpa e poderia com certeza fazer novas vítimas, devido sua periculosidade, o que de fato ocorreu”, disse Mayer.

Desde que fugiu do território paraense, o estuprador escondeu-se no Sul do país, onde se estabeleceu em Rancho Queimado, local em que voltou a cometer estupro de criança. Por esse abuso ele já responde criminalmente na Comarca de Santo Amaro da Imperatriz, o que levou os investigadores a descobrir seu passado criminoso em Belém do Pará.

A Polícia Civil de Santo Amaro conduziu-o para o Presídio Masculino da Capital, onde provavelmente será recambiado para seu estado de origem e aguardará preso a instrução criminal do seu processo, informa a assessoria.

Publicidade