Ministério das Cidades libera R$ 36 milhões para obras de mobilidade em Florianópolis

Publicidade

O Ministério das Cidades confirmou, nesta sexta-feira, a liberação de R$ 36 milhões, de um repasse total de R$ 211 mi, destinados pelo governo Federal às obras de mobilidade em Florianópolis. Representantes da Secretaria Nacional de Transporte e da Mobilidade Urbana do Ministério das Cidades visitarão a cidade para a assinatura da liberação.

Com o valor à disposição, a prefeitura irá concluir as obras complementares de integração dos corredores de ônibus e requalificação de vias, que no futuro irão compor o primeiro anel viário da cidade. O próximo passo é a aprovação dos projetos pela Caixa Econômica Federal e a consequente abertura de licitação. Se tudo ocorrer dentro do previsto, as obras começam até o fim do ano, com prazo de 36 meses para conclusão, informa a assessoria.

Continua após a publicidade

“São obras jamais realizadas na cidade, que estão todas conectadas em um objetivo maior: incentivar o uso do transporte coletivo e como consequência melhorar definitivamente o tráfego de veículos. Diferente do que vinha se fazendo, não estamos realizando obras para resolver um congestionamento pontual, mas para transformar o modo como nos deslocamos”, disse o prefeito Cesar Souza Junior.

Com base em estudos atuais da mobilidade em Florianópolis, segundo o prefeito, 48% dos moradores da cidade se deslocam de carro e apenas 24% de ônibus. Com as obras, que irão priorizar o transporte coletivo, a intenção é dobrar este índice. “Queremos chegar a um patamar de metade da população utilizando ônibus para se deslocar. Para isso, vamos fornecer a estrutura necessária com um transporte público inteligente e eficiente”, afirmou.

Entre as obras previstas nesta primeira etapa estão, na área central:

– implantação do corredor exclusivo de ônibus, abrigos, calçadas e ciclovias, além do recapeamento asfáltico na avenida Mauro Ramos, desde a avenida Beira-mar Norte até a rua Silva Jardim;

– implantação de faixas exclusivas na avenida Gustavo Richard, desde a alça de acesso da rua Silva Jardim até as proximidades do Terminal de Integração do Centro (TICEN);

– melhorias no bairro da Trindade, como um binário nas imediações da rua Lauro Linhares.

 

Publicidade