Tocha olímpica será conduzida em Biguaçu por Célia Goedert

Publicidade

A ex-atleta Célia Maria Goedert Neis foi convidada pelo prefeito Ramon Wollinger para conduzir a tocha olímpica em Biguaçu. Nascida na cidade, Célia é professora de Educação Física aposentada e durante sua carreira no atletismo foi medalhista de ouro em competições de âmbito nacional, sendo a recordista de títulos no município.

Seguindo a tradição, a tocha será acesa por raios de sol numa cerimônia na cidade de Olímpia, na Grécia, e de lá partirá para o Brasil. Em 3 de maio de 2016, sairá de Brasília e vai percorrer 500 cidades, em todos os estados brasileiros, até chegar na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos, em 5 de agosto de 2016, no Maracanã, Rio de Janeiro.

Continua após a publicidade

Além de Biguaçu, a chama olímpica passará por mais 19 cidades catarinenses. Dos mais de 5.500 municípios de todo o Brasil, apenas 500 foram privilegiadas e receberão a tocha da primeira Olimpíada a ser realizada em um país da América do Sul.

Célia Goedert irá conduzir a tocha olímpica em Biguaçu - (Foto: Martha Huff - SECOM)
Célia Goedert irá conduzir a tocha olímpica em Biguaçu – (Foto: Martha Huff – SECOM)

Entre suas diversas conquistas no atletismo, Célia foi medalha de ouro nos Jogos Escolares Brasileiros, nos Jogos Abertos de Santa Catarina, Jogos Universitários Catarinenses e Jogos Universitários Brasileiros. Em 1976 participou da corrida de São Silvestre, e já na primeira vez, foi a brasileira melhor colocada da prova e conquistou a 28ª posição geral. Após encerrar sua carreira de atleta, passou a dar início às atividades de professora e técnica, tendo participação fundamental na criação dos Jogos Escolares de Biguaçu (JEBIG), Noite da Dança, Jogos de Verão e na coordenação dos Grupos da Terceira Idade, bem como na formação e revelação de seus alunos e atletas.

Célia, que se curou de um câncer, recebeu o convite para conduzir a tocha em Biguaçu no evento da campanha Outubro Rosa, realizado nesta semana no Casarão Born. “Para mim carregar a tocha olímpica em meu município significa um orgulho muito grande, me sinto honrada pelo convite”, disse emocionada.

“Por toda sua história de dedicação e amor ao esporte, Célia é a pessoa mais indicada para representar Biguaçu no momento histórico e de celebração que será a passagem da chama olímpica por nossa cidade. Nos sentimos felizes por Biguaçu fazer parte deste importante evento que antecede o início dos Jogos Olímpicos no Brasil, nos colocando em posição de destaque junto aos municípios selecionados de todo o país”, afirmou o prefeito Ramon.

A presidente da Câmara de Vereadores, Salete Orlandina Cardoso, que também é ex-atleta, apoiou a indicação de Célia, uma das personalidades do esporte do município retratada no livro de sua autoria “Esporte é Massa – Grandes Valores do Esporte da Comarca de Biguaçu”. “Além dela, no livro em que reuni a história de atletas de Biguaçu e região, muitos relatam que foi através do apoio e do treinamento de Célia que entraram no mundo do esporte, muitos deles vindo a se consagrarem campeões em competições de alto nível técnico. Isso se soma ao trabalho de Célia na implantação de várias modalidades olímpicas em nosso município, como o atletismo, handebol, futebol e voleibol”, ressaltou a vereadora.

Publicidade