Proposta de novo empréstimo deixa Erazo perto de renovar com o Grêmio

Publicidade

Gazeta Esportiva

(Foto: Lucas Uebel/Grêmio)
(Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

Depois de ser tratado como uma saída iminente do elenco gremista no final da atual temporada, o zagueiro Erazo está mais perto de renovar contrato com o Grêmio.

Continua após a publicidade

A pedida dos agentes do equatoriano baixou bastante: dos R$ 9 milhões exigidos em setembro para a contratação definitiva do defensor, o valor baixou para R$ 1 milhão – neste caso, por um novo empréstimo, de mais uma temporada.

Erazo está emprestado pelo Barcelona de Guayaquil ao Grêmio até dezembro. Seu contrato com o clube do Equador se encerra em dezembro, junto com o empréstimo ao Tricolor.

A assinatura de um pré-contrato com o Estoril, de Portugal, esfriou as negociações por sua permanência, mas as bases do novo negócio estão lançadas: Erazo assinará com os portugueses e, aceitas as condições, deverá ser repassado ao Grêmio até o final do ano que vem, novamente por empréstimo. O novo valor está de acordo com a política financeira austera do clube de Porto Alegre, que rechaçou pagar os R$ 9 milhões para ter o atleta em definitivo.

Pensando em 2016, o Grêmio está ativo no mercado também em busca de um centroavante e um meia criativo capaz de brigar por posição com Douglas, atual titular. Os dois alvos do clube para a articulação são argentinos: Alán Ruiz, com passagem em 2014 pelo clube, atualmente no Colón; e Lucas Zelarayán, destaque do Belgrano no último Campeonato Argentino. Este segundo é o preferido da direção, mas o alto valor exigido pela equipe de Córdoba (cerca de R$ 15 milhões) dificulta o acerto.

Publicidade