Residencial Vila Real é entregue aos beneficiários do programa Minha Casa Minha Vida

Publicidade

O prefeito Ramon Wollinger (PSD) e diretores da Caixa Econômica Federal (CEF) entregaram, na manhã desta segunda-feira, as chaves dos apartamentos no Residencial Vila Real, a beneficiários que já assinaram o contrato de financiamento com a instituição financeira. O empreendimento, com sete blocos totalizando 224 apartamentos, integra o programa Minha Casa Minha Vida, do Governo Federal.

O prefeito destacou ao Biguá News que moradia digna é direito de todo cidadão e a parceria entre a Prefeitura e a Caixa está garantindo o acesso dessas famílias a esse direito. “Nós estávamos ansiosos para entregar esse residencial, pois mais de 200 famílias estão realizando o sonho da casa própria e irão ter melhor qualidade de vida residindo aqui no Vila Real”, comentou.

Continua após a publicidade

A inauguração também teve a presença do  vice-prefeito Vilson Norberto Alves, vereadores, secretários municipais, representantes da CEF, do ex-prefeito José Castelo Deschamps (PP), bem como da construtora Moinho, responsável pela finalização da obra.

Os apartamentos possuem dois dormitórios, sala, cozinha, área de serviço e banheiro. O condomínio ainda conta com área comum com estacionamento, salão de festas, guarita e parque infantil. Na entrada de cada bloco há bicicletário.

Para ter direito aos apartamentos, as famílias tiveram que comprovar renda de até R$ 1.800,00 (somando a renda de todos os membros do grupo familiar que residirá na unidade) e com comprovação de residência de no mínimo dois anos em Biguaçu.

Ramon busca R$ 5 milhões no Badesc para asfaltar ruas

Felicidade

Norma Lurdes Batista, de 46 anos, é uma das beneficiárias que recebe as chaves do apartamento nesta segunda-feira. Mãe de três filhas, ela residiu de aluguel por toda a vida. Todos os meses Norma via o dinheiro fruto de seu trabalho ir parar no bolso do locatário e nunca mais voltar. Mas isso termina em poucos dias, pois ela já prepara a mudança para entrar na unidade.

“É um sonho realizado. Só quem paga aluguel sabe o quanto é difícil ter essa despesa todos os meses. Mas agora é só felicidade”, comenta com o Biguá News.

Quem também está com o sorriso no rosto é Ieda Liasch e Souza, de 50 anos. Pagando aluguel nos últimos 20, ela também só aguardava a entrega das chaves para entrar em sua
nova morada. “Isso significa tudo para mim. Ter sossego, tranquilidade, sobrar mais um pouco de dinheiro. Não quero pagar mais nem um dia de aluguel. Estou muito feliz”, revela.

Clique nas imagens para ampliá-las (Fotos: Biguá News)

Publicidade