Santa Catarina recebe mais médicos cubanos

Publicidade

medico3

A Secretaria de Estado da Saúde e o Ministério da Saúde realizaram, na tarde desta segunda-feira, 18, o acolhimento de três novos profissionais cubanos do Programa Mais Médicos para Santa Catarina. O programa do Governo Federal é desenvolvido em parceira com o Estado e os municípios. Já são 560 profissionais atuando em 210 municípios catarinenses.

Continua após a publicidade

No ato de acolhimento, os selecionados recebem orientações a respeito dos próximos passos do programa. Os médicos começam suas atividades a partir desta semana. Esses profissionais vieram para substituir outros três que retornaram para seus países de origem. Os municípios que receberão os médicos são Lajeado Grande, Capinzal e São Cristovão do Sul.

Até o momento, Santa Catarina recebeu 560 médicos, sendo 300 cubanos, 100 brasileiros formados no país e os outros 160 entre brasileiros e estrangeiros formados no exterior. O coordenador da comissão estadual do Programa Mais Médicos, Paulo Orsini, explica que até 2019 todos os médicos inscritos no programa do governo federal serão brasileiros formados no país.

Entre os benefícios do Programa Mais Médicos em Santa Catarina, Paulo Orsini, destaca a redução na quantidade de internações hospitalares por doenças como diabetes, hipertensão e as decorrentes durante o pré-natal, todas tratadas na área de Atenção Básica.

Publicidade