Tite ganhará R$ 1,2 milhão pelo título

Publicidade

UOL

Jogadores comemoram com Tite ( (Foto- PEDRO MARTINS-ESTADÃO CONTEÚDO)
Foto- Pedro Martins/Estadão

Entre todos os campeões do Corinthians, somente Tite tem premiação 100% definida. A CBF pagará R$ 10,3 milhões para o vencedor do Campeonato Brasileiro e, por contrato, o treinador corintiano tem direito a aproximadamente R$ 1,2 milhão, segundo apurou o UOL Esporte.

Continua após a publicidade

A intenção do departamento de futebol é utilizar toda a quantia restante para repartir entre jogadores e comissão técnica, mas essa decisão não está totalmente confirmada. Uma corrente na diretoria defende que parte menor dos recursos seja destinada ao pagamento de outras despesas.

Para um elenco que conviveu com atrasos durante quase todo o ano, a bonificação ‘mais gorda’ seria espécie de recompensa pensada por seus superiores diretos. Por outro lado, a administração do presidente Roberto de Andrade tem sido marcada pela rigidez em relação à parte financeira.

Em dezembro, independente de premiações, o Corinthians tem uma folha de R$ 30 milhões a pagar. A quantia é a soma de salários, férias e 13º salário. Na saída do gramado de São Januário, Roberto chegou a brincar: “de manhã vou ligar para a CBF cobrando”, disse.

Independente do valor total a ser repartido, o elenco do Corinthians concordou em dividir o dinheiro com base em produtividade. Os jogadores mais utilizados, como o goleiro Cássio e o meia Jadson, terão direito a uma porcentagem maior.

É certo, porém, que o rateio dessa quantia não vai englobar Tite. Ao assinar contrato por três temporadas e reduzir seu salário, o treinador também estabeleceu bônus para todos os torneios que poderia disputar no período.

Em 2013, quando deixou o Corinthians, ele recebia aproximadamente R$ 700 mil mensais. Ao voltar, no início desta temporada, ele topou ganhar cerca de R$ 430 mil.

Publicidade