Ventania deixa mais de 100 mil casas sem energia no litoral de SC

Publicidade

Os fortes ventos que atingiram a região litorânea de Santa Catarina, na noite desta quinta-feira (17), deixaram muitos danos no sistema elétrico entre Criciúma, Tubarão, Grande Florianópolis e Vale do Itajaí.

No auge do problema, quase 118 mil unidades consumidoras ficaram sem luz. Ao todo, 22 subestações e duas linhas de transmissão da Celesc foram atingidas, além dos inúmeros danos causados nas redes tronco do sistema (alimentadores), ramais e transformadores, na rede de média e baixa tensão.

Continua após a publicidade

No momento, no Extremo Sul e em Criciúma, a situação do atendimento está praticamente normalizada. Até a manhã desta sexta-feira (18), ainda há registro de consumidores sem energia em áreas de Jaguaruna, Laguna, Imbituba, Garopaba, Pescaria Brava, Imaruí, Capivari de Baixo e Sangão (na região de Tubarão) e na Grande Florianópolis, em Santo Amaro, São José, Sul e Norte da Ilha de Santa Catarina.

O contingente de equipes foi reforçado com equipes próprias e terceirizadas, que permanecerão mobilizadas nos serviços de recomposição da rede até que o sistema esteja totalmente recuperado. Nos serviços de atendimento via contact center, a empresa conta com mais de 200 pessoas, por tratar-se de uma contingência.

Consumidores sem luz devem informar a Celesc por meio de SMS para o número 48-196 com a mensagem SEM LUZ e o número da unidade consumidora ou o CPF do titular da fatura.

Assessoria de Imprensa

Publicidade