Empresas de tecnologia da Irlanda analisam se instalar em Florianópolis

Publicidade
Prefeito e embaixador se reuniram em Florianópolis. Foto: Petra Mafalda

O prefeito de Florianópolis, Cesar Junior, recebeu, na tarde desta terça-feira (30), a visita do embaixador da Irlanda no Brasil, Brian Glynn. O diplomata, que esteve na capital catarinense pela primeira vez no ano passado para estudar português, veio, agora, tratar da possibilidade de a cidade ser “porta de entrada” para investimentos irlandeses no país.

“Temos algumas empresas que têm mais interesse aqui pelo perfil da economia”, revelou Glynn, adiantando que elas atuam na área de produção de tecnologia.

Continua após a publicidade

“Quero deixar as portas abertas para quem o senhor quiser trazer. Seja qual for o investidor e em qualquer área”, manifestou o prefeito, que aproveitou a oportunidade para discorrer sobre a potencialidade da área de Tecnologia da Informação, em nível local. “Florianópolis, que tinha sua economia baseada no setor público e no turismo, teve mudança no perfil com o florescimento do setor de TI”, destacou. Tanto que o setor de tecnologia, atualmente, é o maior pagador de tributos municipais.

Outro atrativo apresentado por Cesar Junior foi a ampliação do aeroporto internacional Hercílio Luz, que, no início do mês, teve investimento para concessões no valor de R$ 1,1 bilhão anunciado pela Presidente Dilma Rousseff, com vistas à criação de novo terminal de passageiros e pátio. “O aeroporto está em posição centralizada, com relação ao Chile, Paraguai e Uruguai”, salientou o prefeito.

Parceria

Na audiência, o embaixador também chamou atenção para o fato de a Irlanda ter vínculo importante com a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e com a Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), sediadas na Capital. No caso da UFSC, são parceiros no Programa Ciência Sem Fronteiras, de iniciativa do governo federal, voltado à consolidação, expansão e internacionalização da ciência e tecnologia, da inovação e da competitividade brasileira por meio do intercâmbio e da mobilidade internacional.

Da reunião, ainda participaram a secretária de Turismo, Zena Becker, e a diretora geral da secretaria da Educação, Maria José da Costa Brandão, informa a assessoria da prefeitura.

Publicidade