Propostas inovadoras para educação são apresentadas em evento na Capital

Publicidade

O Encontro Nacional de Inovação na Educação, denominado por seus idealizadores como “Educação Fora da Caixa”, debateu, nesta quinta-feira, em Florianópolis, as políticas educacionais atuais e apresentou iniciativas inovadoras. O encontro reuniu cerca de 500 pessoas, entre estudantes, professores, empresários e gestores públicos, que participaram de painéis sobre as tendências para a educação do futuro e com exemplos de escolas que romperam com o modelo tradicional de ensino, criando técnicas diferenciadas com resultados positivos.

Na abertura do evento, o secretário do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS), Carlos Chiodini, falou sobre os trabalhos do governo do Estado voltados para a inovação. “Temos esta área como diferencial, criamos políticas públicas para que a inovação esteja não apenas nas empresas e nas universidades, bem como, próxima do cidadão”, disse.

Continua após a publicidade

Chiodini citou o projeto para a implementação da inovação nas escolas. “Trata-se do Cluster de Inovação na Educação tem o papel de promover a criação e o uso de soluções inovadoras no ambiente escolar, melhorando a qualidade do ensino e fomentando o setor de tecnologias voltadas para a educação”.

A ação visa tornar Santa Catarina referência na qualidade da educação pública e na produção de soluções educacionais inovadoras. Foi organizado um Portfólio de Soluções Inovadoras Educacionais integrando conhecimento, tecnologias e práticas que propiciem mais aproveitamento no aprendizado. Este trabalho deve ser implantado e validado pela Secretaria de Estado da Educação (SED). 

O Encontro Nacional de Inovação na Educação foi organizado em parceria entre SDS, Departamento de Engenharia do Conhecimento da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), da Rede Catarinense de Inovação (RECEPETi) e da Vertical de Educação da Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (Acate), informa a assessoria.

Publicidade