São José e Joinville são os melhores do atletismo dos Joguinhos Abertos de SC

Publicidade
Fábio de Oliveira conquistou 4 medalhas de ouro (Foto: Antonio Prado)
Fábio de Oliveira conquistou 4 medalhas de ouro (Foto: Antonio Prado)

Ao ser anunciado como melhor atleta dos Joguinhos Abertos de Santa Catarina, na terça-feira (11), no último dia do atletismo em Caçador, Fábio de Oliveira não conteve as lágrimas. Abraçado pelos amigos na arquibancada e recebendo felicitações de todos os lados, o garoto se despedia da sua última edição dos Joguinhos como sempre sonhou: campeão e eleito o melhor entre todos os competidores.

 

Continua após a publicidade

O atleta se consagrou com quatro medalhas de ouro. A primeira e a mais importante foi nos 400 metros rasos, pela qual quebrou o recorde da prova ao cravar 49s25. Depois vieram mais três: nos 400 metros com barreiras e nos revezamentos 4×100 e 4×400. “Dedico este meu desempenho ao meu treinador Matheus, que realizou um trabalho desde o início do ano com o objetivo de ser campeão dos Joguinhos e, esta aí, conseguimos”, enfatizou Fábio.

A performance dele ajudou São José a conquistar de forma inédita o título de campeão geral do atletismo com  215 pontos. Depois fecharam a competição Joinville, em segundo, com 154, e Criciúma, em terceiro lugar, com 128 pontos.

Do outro lado, entre as mulheres, outra atleta também se destacou e ajudou de forma significativa Joinville ser campeão geral: Ana Paula Vieira, que conquistou três medalhas de ouro: heptatlo, lançamento de dardo e revezamento 4 x100 metros. Ao lado dela, sua treinadora, Margit Weise, talvez estivesse até mais feliz, já que a sensação era de dever cumprido: “Foi um título da prata da casa, com atletas formados no próprio município, por isso esta conquista é tão significativa”, destacou a treinadora campeã.

Entre as mulheres, Joinville fechou em primeiro lugar com 239 pontos, depois vieram Criciúma, em segundo, com 147, e São José, em terceiro lugar, com 125 pontos.

Amanda, de Blumenau, atinge o ápice

Mas entre todas as atletas a que mais brilhou na 29ª edição dos Joguinhos foi Amanda Mera Scherer, de Blumenau. A menina prodígio bateu o recorde do arremesso do peso que já durava 20 anos. Cravou 15m45cm e, de quebra, estabeleceu a melhor marca do absoluto, ou seja, fez a melhor marca entre todas as faixas etárias do atletismo catarinense.

“Essa medalha de ouro como melhor atleta vem coroar todo o meu trabalho de treinamento duro. Isso representa tudo pra mim”, limitou-se dizer Amanda, antes de receber a medalha dourada.

Os Joguinhos Abertos são promovidos pelo Governo de Santa Catarina, por intermédio da Fesporte, em parceria com a Prefeitura local e a Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Caçador.

Antônio Prado
Assessoria de Imprensa

Publicidade