Decisão judicial proíbe Torcida Jovem do Flamengo de entrar no estádio da Ressacada

Publicidade
A decisão de banir essa torcida foi do Juizado Especial do Torcedor do Foro Regional da Ilha do Governador, no Rio de Janeiro
A decisão de banir a torcida foi do Juizado Especial do Torcedor do Foro Regional da Ilha do Governador, no Rio de Janeiro

A Torcida Jovem do Flamengo, organizada que segue o clube carioca nos estádios, está proibida de comparecer ao estádio da Ressacada neste domingo (24), em Florianópolis, por ocasião da partida que a equipe rubro-negra disputará contra o Avaí, em mais uma rodada válida pelo Campeonato Brasileiro de da Série ‘A’.

A decisão de banir essa torcida das praças esportivas foi prolatada no Juizado Especial do Torcedor do Foro Regional da Ilha do Governador, no Rio de Janeiro, em resposta a ação civil pública proposta pelo Ministério Público. Ela tem prazo de um ano e sua aplicação é válida em âmbito nacional.

Continua após a publicidade

O programa Justiça Presente acompanhará essa partida, às 16 horas de domingo, sob o comando do juiz Nelson Maia Peixoto e do promotor Geovani Tramontin. Em Chapecó, no mesmo dia e horário, o JP estará na Arena Condá para supervisionar a partida entre Chapecoense e Santos, também válida pela Série A do Brasileirão. O juiz Gustavo Emelau Marchiori e o promotor Rafael Moser estão escalados para a função.

O programa Justiça Presente é uma iniciativa do Tribunal de Justiça em parceria com outras instituições, como o Ministério Público, Ordem dos Advogados do Brasil, Polícias Civil e Militar, Federação Catarinense de Futebol e Associação dos Clubes Profissionais, que tem por objetivo garantir paz e tranquilidade aos torcedores que acompanham os jogos nos estádios de futebol em Santa Catarina.

Publicidade